Carregando...
Notícias

Ressaca da E3: Mass Effect 3 tem trailer live action

Garrus FTW!
Garrus FTW!

Poucos seres no universo psycho estão esperando tanto esse game quanto eu. Aí de repente me passam por Twitter o trailer live action de Mass Effect 3 e ficou foda, desculpe o termo (puritanos, me queimem depois). Mass Effect 3 foi a menina dos olhos da BioWare na E3 2011 e não duvido nada que o adiamento do jogo para 2012 tenha algo a ver com o evento.

Zumbi espacial fashion sensualizando no neon azul
Zumbi espacial fashion sensualizando no neon azul

Mas enfim, no vídeo você assiste a um noticiário transmitido direto da Terra. Nele, o repórter pergunta a um oficial se ele está ciente da possível invasão do planeta por alienígenas e, para variar, o cara diz que “aahhh… relaaaxa, toma uma pinga comigo. Tá tuuudo bem…”, mas não está e o mundo está fuuuuuu…

Em outras cenas, você que jogou os primeiros jogos da série, vai notar a presença de zumbis-mutantes-espaciais, desenvolvidos pelos Collectors – que trabalham para os Reapers (as lulas mecânicas gigantes que vão lascar com tudo na Terra). Os zumbis são super fashions e decorados com apliques em neon azul (huuum… boiola…).

Mass Effect 3 trará o desfecho da trilogia de RPGs em terceira pessoa com temática espacial. Na série, o jogador controla o(a) comandante Sheppard e sua equipe, que buscam salvar a galáxia de uma raça com tecnologia avançada (as lulas mecânicas de TPM super desenvolvidas).

Em desenvolvimento pela BioWare e em produção pela Electronic Arts, o game tem lançamento previsto para 6 de março de 2012 para PC, Xbox 360 e Playstation 3. (já fiz o pre-order do meu!).

Aproveita que está aqui e veja também o trailer “Fall of Earth” apresentado na E3 2011:

http://www.youtube.com/watch?v=4RDnfgwP88Q

Leia mais sobre Mass Effect 3.

Veja mais imagens do game (clique para ampliar):

* Observação “muito” relevante:

Retiro o que disse anteriormente sobre a aparência dos Reapers. Eles não são como lulas mecânicas gigantes, eles são como piolhos mecânicos gigantes! Meu Deeeeus!!! O_O’

[off topic rapidinho] desculpem a ausência de mais posts de minha autoria nessa semana. Graças ao “overwork” da E3, estou com a patinha direita lascada e digitar só com a mão esquerda é um c*. Grata pela compreensão! ^^

20 comentários
    1. Angelo

      Onde quer escolham para comprar, NÃO comprem na eStarland. Eu fiz a pré-compra do Mass Effect 2 quase 3 meses antes do lançamento e no DIA do lançamento me mandaram um email dizendo que tinham recebido mais pedidos do que podiam atender.E o que fizeram? Me ofereceram a versão normal com 5 dolares de desconto. O email que me mandaram foi completamente do tipo “não podemos fazer nada para você que é ai do Brasil”.

  1. Beatriz

    AHHH, chega logo 2012!!!

    o visual do jogo está lindo, e o trailer live action ficou ótimo (Husks bem convincentes hehe)

    Só espero que o meu pc consiga rodar essa belezinha

  2. Mugen

    Putz…esses gráficos…to vendo q eu vou ter q comprar outro PC, pelo bem dos meus saves.
    Agora o combate corpo-a-corpo(peço licença p/ usar:ui!) vai ficar mais interessante, q era uma das coisas q eu não gostava nos anteriores. A “manopla-adaga-machado-iPad” vai tornar as coisas mais “divertidas”(Bloodthirst Mode On).

    PS: Vivi, não precisa se desculpar. Deu pra perceber q no período da E3 o trabalho aumentou f*didamente e eu só tenho a agradecer ao Girls of War(mais do que nunca) pela excelente cobertura. Sério, valeu msm.

  3. Deivd

    Graficos violentos, pelo q todo mundo pode ver os produtores daqui um tempo nao vao ter mais a qualidade grafica do jogo como arma, mas ai vem a questao, o que eles vao fazer quando os graficos chegarem no nivel maximo?

        1. Bruno Massao

          Diversão é algo relativo. Tem gente que prefere se divertir com Gran Turismo, tem gente que prefere se divertir com Burnout, tem gente que prefere se divertir com Mario Kart.

    1. Guto Collares

      Ora, ora.. 100% verdade.
      A indústria já há alguns anos voltou as costas pra fatores da essência dos games (o famoso fun factor, a jogabilidade, o amor incondicional ao game que se está fazendo, as inovações geniais) pra se preocupar com gráficos, frame rates e sound design.
      Resultado: O que a gente tem aí. Tudo igual, só que cada vez mais bonito…

      Merecida ressalva é o fato de que grupos de gamers e muitos reviewers dão feedback POSITIVO a essa preocupação exacerbada com o acervo técnico.

      Prova é que quando sai um jogo que se preocupa mais com o “fun factor” ou com imersão, ou sei-lá-o-quê, a galera já desce a lenha com a frase: “gráficos da geração passada, hmpf… Que porcaria”.

      Exemplo de criatividade, de trabalho dedicado, um bom game, mas que é criticado pelos gráficos “podres”: Fallout: New Vegas;

      Por outro lado, exemplos de games que se valem de todos os artifícios técnicos mas que no final, sujam a madeira por serem derivativos e não empolgar seu consumidor: Dragon Age II (como dito acima); Vários FPSs; Vários Survival horrors (o último Alone in the Dark, o último Silent Hill);

  4. Deivd

    Faço essa pergunta pq muitos jogos tem como ponto fundamental os graficos, no momento q a gente ve o treiler pensa q o jogo algo d outro mundo, quando a gente compra nao consegue jogar mais d meia hora sem dar sono (contando q nao estou falando de Mass Effect).

  5. Deivd

    Apesar da diversao ser algo relativo, parece q desde a morte do play1 os jogos meio q perderam a escencia (nao sei c a impressao e so minha), nao sou um cara nostalgico mas parece q naquela epoca os jogos tinham uma qualidade maior em todos os aspectos (apesar dos limites da tecnologia da epoca), a jogabilidade, historia, o conjunto do jogo em si era melhor dos q sao lançados hoje em dia (claro q ha esseções).

    1. Angelo

      Certamente Deivd! E era essa essência que está faltando!
      Eu me diverti muito jogando Mass Effect 2, Alan Wake, Gears. Mas como a galera das antigas sempre diz, falta alguma coisa. E esse pessoal sabe o que é esse sentimento.Argumentar que é relativo não faz muito sentido pois tudo se refere a um tipo de diversão: Jogos eletrônicos. Se for assim vou cair na falácia de ficar comparando e dizendo que tem gente que se diverte enchendo a cara, gente que se divertindo usando substâncias ilícitas, gente se diverte vendo novela. O problema não é falta de diversão, o problema é que já não parece mais a mesma coisa. Resta esperar por algum estudo que torne conclusivo que ou os jogos realmente tiveram um detrimento na qualidade, ou se é por que como estamos jogando a muito tempo videogame , é o mesmo efeito que drogas, alcool e remédios tem : vamos sempre precisando de mais para ter o mesmo efeito.

  6. Jhun

    Kra os gráficos estão impressionantes e isso rodando numa GTX qualquer de ponta com PhysX vai ser uma delícia.
    Mas eu vou reclamar de uma coisa: tranformaram Mass Effect 3 num jogo de ação mesmo é? Depois do Mass Effect 2 eu comecei a me preocupar com isso. Depois do Dragon Age 2 esse medo se tornou maior. Com esse trailer agora eu fiquei triste. =/ Parece que todo RPG ta virando jogo de ação. Veja o que aconteceu com o ótimo Front Mission.
    Saudade de Baldur’s Gate…

  7. The Punisher

    Eu já não tenho grana pra ficar comprando edicções de games que não sejam as normais e/ou simples. O único diferente que tenho aqui é o Burnout Paradise que comprei foi a versão The Ultimate Box por ser mais completa do que a que é só Burnout Paradise.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *