Carregando...
Análises

[Preview] Project CARS

Nota da Jejé: Este texto também foi escrito pelo Caio Vicentini, sendo o último preview da leva de jogos da Namco Bandai que testamos! Portanto, fica um agradecimento imenso pela colaboração dele, e esperamos que curtam o texto! 🙂

Project CARS Key Art2

Project Cars é um simulador de corrida produzido pela Slightly Mad Studios e que será distribuído pela Bandai Namco. Com algum tempo de produção nas costas, parece que o estúdio fez bom uso dele para polir o jogo ao máximo, seja nos visuais incríveis ou nos controles precisos do carro. Só pude jogar com um carro na pista de Brands Hatch, mas foi mais do que suficiente para que eu me acostumasse com os controles (e desse umas belas derrapadas para fora da pista).

 As respostas são precisas e os controles podem ser um pouco punitivos para aqueles que estão acostumados com jogos de corrida mais casuais. O jogo, assim como todo bom simulador, recompensa quem dirige com cuidado. Não se pode seguir correndo em uma curva e esperar não sair da pista, ou até mesmo frear em cima dela e não derrapar em direção do muro (falando a voz da experiência aqui!). Falando em derrapagens e colisões, o sistema de dano do jogo é algo a ser elogiado: cada amassado correspondia com fidelidade ao local em que ocorreu a colisão. É possível apreciar melhor essas minúcias com a visão de fora do carro, dentre as várias outras opções de câmera disponíveis – isso considerando que a visão de dentro do cockpit mostra muito do empenho aos detalhes, onde é possível ver o painel do carro, ver os adversários se aproximando no espelho retrovisor, e ainda alguns pormenores do interior do capacete do piloto!

Com o lançamento próximo e com muitas novidades ainda por vir, Project Cars é um jogo promissor a ser lançado para PS4, Xbox One, Wii U e PC, em Novembro desta ano.

 

2 comentários
  1. Leonardo

    Já ando a ouvir falar deste “Project CARS” há algum tempo mas quando me deu vontade para saber exactamente do que se tratava, nunca tive tempo nem paciência para ir atrás de notícias mais antigas. Verdade seja dita, nunca fui muito de corridas em pista mas o texto, ainda que curto, resume bem o porquê dos elogios que vou apanhando aqui e ali quanto ao jogo.

  2. João Marcos

    Tem alguma notícia do modelo de negócio do jogo? Ouvi falar que seria F2P, ou pior, preço full + microtransações para tudo…?
    O jogo parece promissor, mas definitivamente, prefiro pagar um fixo por ele…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *