Carregando...
Entrevistas

Mapa Mundi: Portugal | Luis Antonio e seus 12 Minutos

Estrelando James McAvoy, Daisy Ridley e Willem Dafoe

Um thriller interativo por LUIS ANTONIO

O Professor Xavier jovem! A Rey de Star Wars! O ator mais versátil do planeta!

LUIS ANTONIO

“SERÁ QUE É BRASILEIRO?” — não levou nem 12 milésimos de segundo para este pensamento me tomar de assalto, assim em caixa-alta, como o nome no trailer, e tão logo percebi a ausência do agudo e do circunflexo coroando as sílabas tônicas. “Hum”, deveria ser de outro país lusófono; a falta de acentuação (junto à de sobrenome) me deixou deveras intrigada, mas o que me pegou mesmo foi o capslock.

“Você está me DESAFIANDO a conhecer seu criador, TRAILER DE DOZE MINUTOS?”

Acho que fiquei envolvida demais pela atmosfera de mistério do jogo. Eu PRECISAVA SABER quem era LUIS ANTONIO.

12 Minutes é um dos próximos títulos no portfólio da Annapurna Interactive, a divisão de jogos da produtora de cinema e TV Annapurna Pictures. Esta é uma publisher que costuma apostar em propostas incomuns de desenvolvedores independentes, e não por acaso, algumas delas são experiências narrativas que buscam adaptar elementos da linguagem cinematográfica para os jogos; as mais interessantes, como a do Luis, são as que se inspiram no cinema sem tentar transformar jogos em filmes.

Temos aqui um suspense point-and-click, com visão top-down (como se a câmera estivesse no teto) e narrativa fragmentada em ciclos de exatos 12 minutos. Tudo começa numa noite romântica, com um detetive de polícia invadindo a sua casa, acusando a sua esposa de assassinato e te espancando até a morte.

[Valeu por traumatizar o jogador logo no início, LUIS ANTONIO. A propósito: era português.]

Se o jogador não quiser reviver o mesmo terror repetidamente, precisará utilizar o conhecimento acumulado em cada ciclo para tentar mudar os resultados dos próximos até quebrar o loop temporal.

Luis é muito simpático e nos concedeu uma entrevista não somente sobre 12 Minutes, mas também sobre como começou a se interessar por jogos em Portugal, qual caminho trilhou para sair de sua terra e ganhar o mundo e por que optou por trocar uma carreira em gigantes como Rockstar e Ubisoft pelo universo dos indies. Ele ainda deu ótimas dicas para quem se interessa, estuda e/ou trabalha com desenvolvimento de jogos.

Confira a nossa conversa (em PT-Br e PT-Pt) no player abaixo ou faça download do áudio no link.

Download MP3 [ | 85MB]

Gosto bastante de diversos títulos publicados pela Annapurna (escrevi sobre um deles, Wattam) e já estou na expectativa de 12 Minutes! O jogo está previsto para sair ainda em 2020 no Xbox Series X, Xbox One e Steam.

Para acompanhar as novidades:

Twitter do Luis

Twitter de 12 Minutes

Twitter da Annapurna

Site de 12 Minutes

Wishlist na Steam

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *