Videogame demais causa doenças de pele (tô lascada!)

Tags: Artigos, David Wilson, hidradentite palmar do Playstation, playstation, Sony Corp

Por Vivi Werneck (minha mão dói…)

Fãs de videogames, tomem cuidado: segurar o console com muita força (ui que calor!) e apertar furiosamente os botões pode causar um problema de pele.

A "doença" chegou ao cérebro desta criança endemoniada!Os pacientes adquirem dolorosas protuberâncias na palma das mãos, disseram cientistas suíços na terça-feira.

Chamada de “hidradentite palmar do Playstation” (ahahaha), a doença pode gerar lesões dolorosas nas palmas das mãos, similares às encontradas nas solas dos pés de crianças, depois de intensa atividade física.

“O agarrar forte e contínuo [uuiii] dos controles, aliado ao repetido apertar dos botões, produz traumas pequenos, mas contínuos, à superfície da palma das mãos”, disse Vincent Piguet e colegas da Escola de Medicina e Hospitais de Genebra, cujo artigo foi publicado em um periódico britânico de dermatologia.

Um porta-voz da Sony Corp., que fabrica o Playstation, ressaltou que o estudo só avaliou uma pessoa e que a empresa vendeu centenas de milhões de consoles, Carlinha no início da carreira...desde que o produto foi introduzido no mercado, em 1995.

“Quaisquer atividades de lazer podem ter más consequências, caso não sigam o bom senso e conselhos de saúde, o que pode ser encontrado nos nossos manuais de instruções”, disse David Wilson, porta-voz da Sony tirando o “dele” da reta.

“Não queremos diminuir esta pesquisa e vamos estudar seus resultados com interesse, mas esta é a primeira vez que ouvimos falar de uma reclamação desta natureza”, acrescentou.

O estudo descreve o caso de uma menina de 12 anos (que lia todos os dias o GoW e passou a jogar games compulsivamente) que foi ao hospital de Genebra, reclamando de dor intensa nas mãos, o que teria começado um mês antes. Ela não tinha lesões em nenhuma outra parte do corpo.

Crianças abduzidas pelos games!Depois de a questionarem, os médicos descobriram que, vários dias antes da aparição das lesões, ela começou a jogar Playstation várias horas por dia (Foi assim que a Bruninha começou).

Os médicos recomendaram à menina parar de jogar (o que???) e ela se recuperou completamente depois de 10 dias.

OBS: depois disso, ela virou a menininha mais frustrada do mundo, já que não podia mais assassinar seus queridos adversários na Live.

(Com dados da Agência Reuters)

Vivi Werneck
Share on Tumblr
Feed do Post
43 Comentários em "Videogame demais causa doenças de pele (tô lascada!)"
  1. Renan Rodrigues Rocha
    05/03/2009

    Vixiii…
    Estou ferrado. Tomara que minha mãe não leia essa matéria. Por isso que ultimamente não estou conseguindo escrever muito na escola. Vou ter que aposentar meu Resident Evil 4 por alguns dias.

  2. 05/03/2009

    Serão issos calos???
    Mas pra que segurar o controle com tanta força?Não vai fugir não xD

  3. Renan Rodrigues Rocha
    05/03/2009

    Uma vez fugiu da minha mão e espatifou o controle

  4. Rodrigo
    05/03/2009

    É, então to fora da estatística, jogo videogame a 22 anos e toco guitarra a 9 anos, quase todos os dias, por várias horas, e minhas mãos continuam fortes.
    Fico perto da televisão e do computador por horas, a anos, e não tenho problemas na visão.

    O glória ao todo poderoso “Senhor dos Games” que preserva minha saúde kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk.

  5. Vivi Werneck
    05/03/2009

    @Rodrigo

    Tb não tenho calos nas mãos e não uso óculos e olha que passo, no mínimo, 65% do meu dia em frente a um PC!!! rss

  6. 05/03/2009

    mas tb, a menina fica querendo destruir o controle
    mas vai q no futuro nossos controles sejam alcochoados *-*

  7. 05/03/2009

    Meu Deus!!! Hahahaha
    Com 8 anos meu dedão da mão estava sofrendo contínuas mutações devido aos golpes do meu brother Alex Kidd.
    Hoje acho que minha mão está remodelada para joypads! E não vejo como doença e sim como dádiva! hahaha

    hadouken!
    Parabéns pelo blog!

  8. 05/03/2009

    é brother passo muito tempo jogando PS3 o estilo de games vcs ja saberm mas voltando ao assunto passo horas no PS3 e nunca tive nenhum dos sintomas citados no post.

  9. 05/03/2009

    Didier, ouvi falar que amputar a cabeça do resto do corpo é óóóóóótimo pra se jogar!
    Ao menos você se livra de um órgão que atrapalha muito nesses FPS, o cérebro :D

  10. 05/03/2009

    Se bem que vc nem usa mesmo

  11. 05/03/2009

    Haaaaaaa valeu pelo ter me xingado mais nada vai estragar meu dia.

  12. Ruston
    06/03/2009

    Passo a maior parte do meu dia em frente a um PC, jogo videogame há uns 18 anos e nunca tive calos nas mãos, e, graças a deus, não uso óculos. Porém, é bom lembrar que tempo demais no PC ou no videogame faz mal sim, de fato (eu mesmo tenho tendiite nos dois braços, e devo, em grande parte, ao fato de ter exagerado muito no passado).

    @Thyago

    Cara, tenho que discordar d que você falou sobre FPS. Acredite, existem FPS em que você tem que usar o cérebro SIM.

    A série Half-life é um belo exemplo disso (ela, por sinal, tem puzzles que dão de dez a zero em coisas que você vê em jogos de terceira pessoa que se vê por aí). Mas há outros bons exemplos também, Como Ghost Recon, Rainbow Six, Crysis (acredite, Crysis é bem mais divertido quando você usa o cérebro pra jogar), entre outros…

  13. Ruston
    06/03/2009

    Opa, eu quis dizer “tendinite”…

  14. 06/03/2009

    Eu sei disso cara, um bom exemplo é Bioshock tb
    mas eu falo assim mais pra tirar uma com o Didier XD

  15. 06/03/2009

    Valeu

  16. 06/03/2009

    So nao levei a serio pq tenho todos os games que o Ruston falou menos Half-life.
    Ruston os ultimos games da serie Ghost Recon foram em terceira pessoa, mas ja joguei os primeiros Ghost Recon para PC.

  17. 06/03/2009

    oh fuck…

  18. 06/03/2009

    Eu tenho um calo permanente que herdei dos tempos de SNES no meu dedão da mão esquerda. O danado não sai por nada no mundo e toda vida que jogo dando aquela agarrada no controle (uiiii) o troço fica maior (uiiiii)

    eahuaheauheauhaeuah xD

    Mas é sério, é sério…

  19. 06/03/2009

    quer dizer q quanto mais vc esfrega, maior fica…
    ok, isso nao parece ser coisa decente XD

  20. Ruston
    06/03/2009

    @Tenente.Didier

    Cara, as versões de Ghost Recon: Advanced Warfighter 1 e 2 para PC são em jogadas em primeira pessoa. As versões para consoles é que são em terceira pessoa.

    @Thyago

    “quer dizer q quanto mais vc esfrega, maior fica…
    ok, isso nao parece ser coisa decente XD”

    Faltou acrescentar que fica mais duro também…:)

    Aviso ao pessoal da mente poluída (eu incluso): Estamos falando sobre CALOS NA MÃO.

  21. Heishiro Mitsurugi
    06/03/2009

    Se fosse verdade, eu já não teria mãos de tantas doenças na palma da mão. Tenho 25 anos e jogo desde os 3. Estou com video-game desde a época do Ataria, e não parei até hoje.

    Na minha opinião, é mais um médico que não consegue se divertir com nada e tenta acabar com a diversão dos outros.

    OBS: Porque esses médicos que sempre soltam essas notícias infames não apresentam os benefícios que os jogos trazem, como coordenação, raciocínio e reflexo. Deprimente esses caras.

  22. PH!
    06/03/2009

    Ah, esse lance é sério sim. Com certeza, as consequencias mudam de um organismo para outro: uma pessoa q joga menos, mas é propensa a doenças musculares (algumas genéticas) com certeza sentirá as dores antes de um gamer fanático. Mas dizer q tenho “20 e poucos anos e não sinto nada” é falar cedo demais… doenças degenerativas como essa podem se manifestar bem tarde, e elas são cruéis.

    No meu emprego anterior (piloto de metrô aqui em brasólia), como havia o grande risco de L.E.R. (devido à alavanca de movimentação do trem), estudei muito sobre a doença. Ninguém precisa deixar de jogar videogame pensando q vai ficar maneta no futuro, mas devem sim praticar alguma atividade física e uma academia é o recomendável. Qto maior a variação dos movimentos, mais forte seu músculo se tornará contra a ação do tempo.

    Tô dando uma de chato, mas é q tenho um grande amigo q se amarrava num computador e trabalhava comigo lá no metrô, e em 3 anos de serviço faz um tratamento para não ter a mão amputada. É triste ver ma pessoa nova (25 anos)sem o movimento da mão, q com certeza faz uma imensa falta. Não custa nada se prevenir, né galera?

  23. 06/03/2009

    @Thyago

    É bem porai bicho! KKKKKKKKKKKKKKKK

    @Rebeca

    HEueHeheuhEUH. Tomara que não tenha causado más impressões :-o
    eahueahaeuheauah

  24. Master Kim
    06/03/2009

    Mas também tem que ser muito louco para jogar video game segurando um controle com tanta força a ponto de ter problemas de saúde.

  25. Rodrigo
    06/03/2009

    Existem alguns estudiosos que não tem o que fazer, e querem se promover com qualquer tese.
    É como num caso de anos atrás quando um grupo muito doido matou uma colega, e acharam na bolça deles um livro de RPG do Vampiro a Máscara.
    Daí o reporter falou que é um livro que leva a violência, e pronto.
    Tanto os religiosos quanto os sem religião pegaram no pé do jogo, dizendo que é um jogo de maluco, e para os pais não deixarem seus filhos jogarem.
    Bem pelo menos aqui no Rio foi assim.

  26. 06/03/2009

    O PH! explicou muito bem o que o médico em questão esqueceu de ressaltar.

    O problema em si não é necessariamente o video-game: é qualquer prática de movimentos ritmados e repetitivos que pode causar lesões se não houver, por exemplo, uma pausa entre eles, ou a prática de exercícios.

    @ Clarice

    “Serão issos calos???”

    Também acho que seriam, mas sabe como são esses médicos, sempre querendo dar um nome pomposo para as suas “descobertas”… XD

  27. 06/03/2009

    (todos os cometários viram chat?)

    E isso me cheira hoax. fontes?

  28. Vivi Werneck
    06/03/2009

    @Ricardo

    Se é hoax eu não sei pq não entrevistei os caras, por isso, tirei o meu da reta e revelei minha fonte de pesquisa do artigo. Está escrito no final do post.

    Em relação a outra pergunta, geralmente os comentários viram chat sim! E isso que faz com que tenhamos nós somente leitores, mas amigos do blog tb!

  29. 06/03/2009

    Perguntei do chat porque esse é, sei-lá, o terceiro dia que entro aqui? E vejo as mesmas pessoas comentarem e muito, mas sempre pegando uma tangente do assunto do post.

    Se é hoax ou não: hoje é bem fácil alguém espalhar uma “notícia” e o povo comer corda por um tempo. É um dos maus da internet, creio.

    Quanto a fonte, já tinha visto lá que é a ‘róiters’, mas não tinha link nem nada. Dae me ocorreu de perguntar de chato mesmo. hehe!

    Até!

  30. Alice
    06/03/2009

    e é por isso que eu digo que deviam trocar os controles pela Power Glove…(não!por favor, não façam isso!!)

  31. PH!
    06/03/2009

    Nesse ponto, acho q o Wii saiu à frente. Se a tendência no futuro for condenar a ociosidade causada pelos jogos, os controles tipo Wii remote dominarão a 4ª geração!

  32. 06/03/2009

    Mas isso de controles “diferentes” (sensore de movimento, stylus ou outro tipo de toque) é legal em alguns casos. O que vejo muito é uma forçassão de barra sem limites. Muitas coisas de vários jogos de DS seriam muito melhores e mais naturais se feitas no velho pad. Mas sismam de pô a atylus no meio.

  33. 06/03/2009

    cara, ninguém nunca ouviu falar de calos? coias desnecessária….
    auhauhauhauha

  34. 06/03/2009

    [Gil em momento aleatório à realidade]

    o_o… *pensando no título do artigo sem ler*

    “Videogame demais causa doenças de pele…”

    o_O será que Michal Jackson é um jogador hardcore? *sai correndo para não apanhar (até a morte) da Vivi ou de fãs de MJ*

  35. 06/03/2009

    @Gil

    bem lembrado!

    voce viu ele dando a entrevista da nova turne de shows dele? as mãos do cara estavam detonadas, cheia de cicatrizes.
    seriam cicatrizes de um gamer? :o

    eahueahae

  36. 06/03/2009

    Ah, e os chat-comentários são uma extensão dos posts. Apesar de parecerem “inuteis”, dá pra abstrair muita coisa que a galera põe aqui.

    O resultado final é que a galera interage e enriquece o post original de alguma maneira.

    Esse é um dos poucos blogs que vejo acontecer isso :D

  37. 07/03/2009

    Se “Videogame demais causa doenças de pele” então “Facebook dá cancer”: http://www.dailymail.co.uk/health/article-1149207/How-using-Facebook-raise-risk-cancer.html

  38. Vivi Werneck
    07/03/2009

    @Sérgio

    Isso mesmo! Já tive várias ideias geniais de posts a partir desses nossos “chats”. Eles dão altas dicas para as minhas crônicas e para o recente divã espiritual gamer (que, a proposito, vem uma surpresa por aí!)

  39. 07/03/2009

    Eae seres vivos/claros/ois/tims, belezera?

    Alguém aqui se lembra do Turbo Game(Nintendinho)?
    Aqueles controles sim chegavam a dar bolhas nas mãos, o dedão da mão esquerda(era o campeão em reclamação) sofria com o direcional do controle.

    Porém não afetavam tanto o psicológico das pessoas, hoje parece que tudo que está sensivelmente fraco causa mais perda(principalmente financeira) TV LCDs/Plasma, videogames, MP3 player, processadores, etc…

    Tudo na vida com excesso causa perdas, sejam fracas a fortes como de intensidade leve a permanente, mas o principal problema mesmo das pessoas é o controle(mental eu digo).

    Quantos não morreram jogando MMORPG porque não teve a consicência de parar pra se alimentar, descansar, se hidratar, etc…?
    Viu é só um exemplo, independente do tema que pegarmos veremos diversos erros principalmente os fatais se antes de tudo parasse pra pensar pra deois realizar.

    É isso ae pexeras.

    by Deninjazul Twister

  40. Diogo
    05/06/2009

    bah! a ponta dos meus dedos já tem umas crostas enormes de tanto tocar guitarra, então ter uns calos a mais ou a menos pra mim tanto faz xBBB
    só sei que não vou parar de tocar guitarra, muito menos de jogar video-game por causa de uns calinhos 8D
    auehuaheuhauehu xB

  41. 08/06/2010

    […] do post da nossa master Vivi Werneck, fiz uma matéria para o jornal onde trabalho, o Jornal de Brasília, sobre o que os videogames […]

  42. 11/07/2011

    Eu posso jogar DUELO XIAOLIN SHOWDOWN.Porque eu nao faço nada disso.

Crie uma conta no gravatar.com para colocar sua foto nos comentários.

Sempre que comentar em algum blog com o email cadastrado, aparecerá sua imagem.