Será que fizeram direito? [Silent Hill]

Tags: konami, será que fizeram direito?, Silent Hill, terror em silent hill

Mais um “Será que fizeram direito?” para vocês, e especialmente para a minha gema Bebs que é super-hyper-ultra-mega fã da franquia Silent Hill.

Depois do lançamento dos lixos dos filmes do Resident Evil (que logo logo aparecerão nessa coluna), eis que a Sony decide lançar em 2006 o filme do jogo concorrente: Silent Hill. Gente, não é que o filme é bonzinho?

No jogo Silent Hill, o jogador entra na pele de Harry Mason, que vai passar as férias com sua filha Cheryl em Silent Hill. Perto de chegar ao destino, ele tenta evitar o atropelamento de uma garota na estrada,o que faz com que ele bata o carro e perca a consciência. Recobrando os sentidos, ele percebe que Cheryl sumiu e a busca pela menina começa, fazendo com que Harry entre em Silent Hill, totalmente deserta e coberta de cinzas o tempo todo, e descubra os segredos do lugar.

Já no filme a personagem principal é uma mulher: Rose da Silva. No começo é mostrado Rose e seu marido Christopher correndo atrás da filha Sharon, que é sonâmbula e saiu de casa sozinha no meio da noite. Rose a encontra bem na beira de um precipício e a salva, enquanto a menina grita “SILENT HILL”. Encucada por ela gritar isso quase sempre que fica sonambulando por aí, Rose resolve levá-la até o dito cujo do local e, lógico, acaba se ferrando do mesmo jeito que Harry no jogo: bate o carro e a menininha some.

Em Terror em Silent Hill (tradução marromenos do título aqui no Brasil) não precisamos ficar totalmente desapontados por não ser Harry o protagonista e terem mudado um pouco o nome da menininha (Cheryl e Sharon tem a pronúncia quase igual, vai). Alguns personagens do jogo resolveram dar as caras no filme, assim como alguns monstrinhos fofinhos.

No decorrer do filme, Rose vai seguindo pistas do paradeiro de Sharon e sempre que a sirene toca, lá vem bosta. A transformação da cidade quando toca a maldita da sirene foi bem realista, destruindo o lugar aparentemente “pacato” (e morto, diga-se de passagem,não tem viva alma lá… por um tempo) e manchando as paredes de sangue, fazendo as criaturas despertarem e virem atrás de você.  Tem bastante sangue, violência e bonecões de borracha, mas não é tão ruim assim. A forma como é abordada a história de Rose em Silent Hill, e a história de Alessa Gillespie tenta ser o mais fiel possível do jogo.

Terror em Silent Hill é bom ou ruim? Bom, pelo que andei notando pela websfera, a opinião está meio dividida: há quem acha que foi um filmaço, há quem diga que foi um tremendo lixo, mas na humilde opinião desta GoW que vos fala, acho que esse filme baseado em game que foi o mais fiel POSSÍVEL dos que já lançaram (Mortal Kombat também, né). Gostei bastante, fui ver no cinema, e teve até uma cena que tive que tampar o olho porque eu não ia conseguir assistir… e olha que não sou muito fresca pra cena violenta. Mas convenhamos, o Piramid Head pegar a pele de uma da moças, torcer, e tirá-la dela, não é uma coisa muito boa de se ver, não?

A sequência de Silent Hill já está sendo rodada, e o enredo vai se basear em Silent Hill 3. Será que vem coisa boa por aí?

Clarice dos Santos
Share on Tumblr
Feed do Post
67 Comentários em "Será que fizeram direito? [Silent Hill]"
  1. 28/08/2011

    Me arrisco a dizer que é o melhor filme baseado em games que já assisti!!!11

  2. 28/08/2011

    Gostei da matéria. Como adaptação Terror em Silent Hill é bem fiel ao jogo, com sua ambientação,criaturas, além da trilha sonora ser a mesma utilizada no game, composta por Akira Yamaoka. Por esses motivos agradou a maioria dos gamers. Já como filme de terror ele falha em muitos aspectos (a começar pelo terror, que falta muito no filme.) O enredo também perde ritmo demais perto do final e o personagem de Sean Bean (pra quem não sabe, o Boromir de Senhor dos Anéis e Eddard Stark de Game of Thrones) é totalmente dispensável. Pode fazer um teste: pule as cenas em que ele aparece, não afetará em nada no enredo. Mesmo assim Terror em Silent Hill e Hitman, na minha opinião, são as duas melhores adaptações de games no cinema, mesmo que quando analisados como filmes e não como adaptações, não se sustentem como bons filmes.

  3. The Punisher
    28/08/2011

    Pra mim foi uma das se não a melhor adaptação de um game para os cinemas.

  4. Erick Faria
    28/08/2011

    De longe, é o melhor filme baseado em games com atores reais. Melhor que ele, em minha humilde opinião, só Resident Evil Degeneration (único que prestou dentre todos) e Final Fantasy: Advent Children, mas não contam porque são em CG, e FF:AC é continuação direta da história do game, então não tem como achar ruim.

    Talvez eu coloque Príncipe da Pérsia quase que no mesmo patamar deste, mas o fato é que Terror em Silent Hill usa até mesmo músicas e ângulos de câmera do jogo. A parte inicial, que mostra a Rose procurando a filha em Silent Hill antes da primeira profanação é uma adaptação muito bacana do mesmo momento no jogo. E pô, o Theme of Laura no final nos créditos serve ainda mais para tornar este filme único, fala sério!

    • Erick Faria
      28/08/2011

      Aliás, falando em Príncipe da Pérsia e Silent Hill, me lembrei de um anseio meu: que haja algum diretor com o mesmo talento e visão que Christophe Gans (diretor de Silent Hill) e que seja fã de Assassin’s Creed *sonhando alto e loucamente*…

  5. Edson Vitor
    28/08/2011

    Impecavel, realmente a melhor adaptação de um game para os cinemas.(2)

    Que os diretores de Resident Evil aprendam a licao de fazer um filme realmente baseado no jogo.

  6. Hélio
    28/08/2011

    Não consegui ver. Sabe, apesar de não ser um jogador da série, já passei algumas horas em vários SHs e achei muito bacana o fato de mostrarem o pai fazendo tudo pela filha e não a mãe como sempre. Puxa, pais tbm amam seus filhos e fazem tudo por eles, isso é muito pouco mostrado, daí ppegam um elemnto tão legal e mudam? :/
    Fora q já ouvi dizer q Harry Mason aparece em SH3 de novo, então se fizerem um terceiro filme, como vai ser? Vão mudar mais uma vez?

    • Sara Deadbones
      11/02/2014

      Voce falou uma coisa interessante, embora eu tenha gostado do filme, essa foi uma coisa que me chateou um pouco, porque existem sim pais que amam de verdade os filhos a ponto de entrar em uma cidade infernal e se arriscar so para salva-los. Para mim, foi uma mudança bem desnecessaria(ta certo?. Nao intendi porque trocaram o Harry pela Rose.

  7. Erick Faria
    28/08/2011

    @Hélio

    Você deve conhecer ao menos o básico da história do segundo Silent Hill, certo? Se tivesse assistido o filme, ao ver o final talvez chegasse à mesma conclusão que eu: a troca de personagem serviu também para ligar um filme ao outro. Ao menos é o que eu acho.

    • Hélio
      28/08/2011

      Sim, sim, Erick. Eu só estava sugerindo q, se mantivessem os personagens originais, não precisaria adaptar nem nada, mas espero q o filme dê certo. ^^

  8. Deivd
    28/08/2011

    Na minha opniao foi um dos melhores filmes baseados em games, mas nao foi um bom filme comparado com os outros filmes d terror. So q tem q c levar em conta q e complicado fazer filmes de games, nao e facil comverter um jogo de 15h, em q 80% dele fica focado em eliminar inimigos e resolver enigmas q em grande parte nao tem nada a ver com a historia e transformar essas 15h em uma historia d 2h focado na historia e nos sentimentos dos personagens mantendo a msma escencia do jogo.

  9. w.r
    28/08/2011

    existe tambem outro filme de silent hill, mas este eu acho que não é da konami porque são os proprios fãs que estão produzindo esse silent hill, que é baseado no sh 2, e pelo que eu sei ele será lançado em outubro no mesmo dia q silent hill downpour

    http://www.youtube.com/watch?v=sPqBq8n6_tQ

    http://www.youtube.com/watch?v=niyV5rebKGU&feature=mfu_in_order&list=UL

  10. Sputniik
    28/08/2011

    Brincou? Quando vi esse filme pensei: “Finalmente, um filme decente”. Tirando o fato dos personagens trocados até que achei uma boa quando terminei de ver o filme, fiz até umas “teorias a la Bebs” para o segundo filme, que no final das contas coincidia com a troca dos personagens.

    Teoria: (POSSIVEL SPOILER) – Nem todos que assistiram o filme jogaram o jogo então para a continuidade do filme fazer sentido trocaram o personagem principal para que Cristopher (no papel de James) receba a carta de sua falecida esposa pedindo que ele vá para Silent Hill ^^

    Se for isso mesmo na minha opinião vai ser uma das melhores adaptações da história haha’
    Então, o que acham? (:

    • Sputniik
      28/08/2011

      Sério? Ah, mas valeu a tentativa haha’. Por um lado é bom porque o que vier vai ser surpresa! (:

    • 29/08/2011

      Ohhh, que coincidência! ah, vá,é mesmo?
      Eu também tinha pensado na mesma teoria, lembra? XDDD~
      Aliás, Bebs, acho que você ainda não conhecia meu site quando postei isso lá, foi logo depois que o filme saiu. Fiz uma matéria pequena sobre o que achei e no final eu comentava isso, desse gancho perfeito pra uma sequência com a história do Chris sendo o James, recebendo uma carta da esposa e blás. Pena que o Bassett (com dois Ts, e não a raça de cachorro xDDD) já “zicou” tudo dizendo que vai usar o 3 e não o 2 como base.

      E MELDELS, não aguento mais esperar por qualquer notícia relevante sobre o filme! Tá que o diretor disse que o filme ainda tá sendo editado, nem mesmo os efeitos tinham sido colocados ainda (ele disse isso no dia 4 de Agosto), mas pô… Os fãs vão ficar doidos se ele demorar muito pra chegar logo com o pôster oficial :P
      Entendo o lado dele de não querer divulgar nada, é até bom porque quando saem muitos detalhes (inclusive de jogos), a gente já acaba sabendo quase tudo antes mesmo de conhecer a obra final. Mas que dá agonia ficar esperando, dá! XD

  11. LeonardoNerd
    28/08/2011

    É sério que tem gente que não gosta de Silent Hill, acho o filme muito foda, a aparição do Pyramid Head ficou perfeita.

  12. Júlia Oliveira
    28/08/2011

    Definitivamente a melhor adaptação de jogos para filmes, sem sombra de dúvida, mas ele possui na minha opnião alguns erros que são grosseiros. E não estou falando da troca do personagem principal, de um homem para uma mulher, pois achei compreensível já que sempre se vê a mãe como mais protetora e ligada aos filhos.

    [Spoiler]Na minha opnião, os erros são a transformação de Dahlia de uma mulher louca e má e lider da seita que busca trazer Samael a Terra usando a própria filha, em uma mulher que foi enganada pela seita para sacrificar a filha e ficou louca. No jogo, é bastante interessante ver como ela manipulou tantas pessoas para conseguir o que queria.

    O outro erro foi a presença do Pyramid Head, que só aperece apartir do segundo jogo da série, sendo que no segundo jogo ele tem uma função importantissima pois representa o subconsciente do personagem principal, James, sua culpa por ter matado a esposa. Ele representa ao mesmo tempo o crime que James cometeu, como o carrasco.

    Outro erro também, foi o fato de Alessa, no filme ter feito um pacto com o demônio por vingança, sendo que na verdade Alessa por ter poderes paranormais conseguiu dividir sua alma em duas, a parte boa ela criou o bebê achado por Harry e a esposa e a parte ruim que traria Samael.[FIM DO SPOILER]

    Mas tirando esses erros, os outros podem passar batidos. Recomendadissimo.

    Caso eu tenha me enganado, a Bebs ou qualquer um aqui por favor me corrigam.

    • Hélio
      29/08/2011

      Mas Júlia, vc pensa assim por ser mulher e pq a cultura ocidental martela na nossa cabeça há décadas q “mãe ama os filhos acima de tudo”. Concordo, mães são maravilhosas, o q seria de nós sem elas, mas o amor do pai é deixado quase sempre de lado. E SH, talvez por ser japonês, não se prende a esse clichê, o q eu achei legal. Seria bom mostrar mais pais q salvam seus filhos, não só mães, pois já está muito batido.

  13. Mih
    28/08/2011

    Impecavel, realmente a melhor adaptação de um game para os cinemas.(3)
    Diferente de outros que ficaram uma porcaria ¬¬’

    Tudo bem que no começo encanei muito com o fato de terem colocado uma mulher no lugar do Harry,mas achei interessante…Outro ponto interessante foram os monstros,que ficaram MUITO f*****das e assustadores também O_O

    ” Mas convenhamos, o Piramid Head pegar a pele de uma da moças, torcer, e tirá-la dela, não é uma coisa muito boa de se ver, não?”Com certeza não X___X Eu quase vomitei quando vi essa cena pela primeira vez.

  14. georges
    28/08/2011

    Eu acho esse filme apenas bom. A continuação vai ter que comer muito feijão com arroz para ser considerada uma boa adaptação e um ótimo filme.
    Também acho a transformação da cidade bem feita mas alguns monstros do filme parecem que não receberam o mesmo cuidado e arrisco dizer que os primeiros monstros que atacam a Rose foram meio mal feitinhos.

    Aguardo a continuação e espero que ela receba o devido cuidado.

    Notas para o primeiro:
    Como adaptação-9,5
    Como filme de terror-7,0

    PS: Ja passou da hora de sair o trailer do segundo filme.

  15. leandro(leon belmont)alves
    28/08/2011

    tirando a parte que botaram uma mulher ao invés do Harry, que acho que colocaram ela para dar mais medo:/ o filme é quase igual ao jogo. e o Pirâmide tava Foda nesse filme. mas eu achei ele meio magrinho, meu irmão mais novo que zerou o primeiro SH contava que ele era bombadão e carregava a espada no ombro…mais ele ficou bom assim tb

    • 28/08/2011

      Leandro, eu ia comentar sobre isso mas acabei esquecendo :P
      Pelo que sei, decidiram colocar uma mulher pra poder justificar mais o desespero dela atrás da filha, e principalmente porque isso é mais aceito aqui no Ocidente que um pai desesperado.

      Seu irmão mais novo tá meio enganado (OK, tá completamente enganado xD). O Pyramid Head original é mais magro que o do filme e jamais carregou a faca no ombro (pelo menos não durante o jogo). Ele pode ter visto o do Homecoming ou então o Butcher, do SH 0rigins, que são completamente diferentes.

  16. 28/08/2011

    tava demorando pro James brotar dos confins do Nada e vir comentar gigantemente aqui…

    ÓIA EIN! ESSE MEU COMENTÁRIO TEM SPOILERS, NÃO LEIA SE VOCÊ AINDA NÃO ASSISTIU O FILME (E VÁ ASSISTIR EM SEGUIDA! XD)

    Clá, antes de mais nada, ÓTIMO post já antecipadamente. Óbvio que você falando sobre o jogo que mais amo no mundo já ia despertar minha vontade de comentar, mas gostei do jeito como sua opinião foi colocada :D

    Só queria corrigir uma ou outra coisinha (não quero dar uma de enciclopédia, longe disso XD):
    – a Silent Hill do primeiro jogo não é uma cidade coberta de cinzas o tempo todo, lá simplesmente neva fora da época e sempre tem neblina;
    – tem mais alguns personagens e criaturas do jogo que apareceram na adaptação: o Inspetor Gucci (que só é citado em Silent Hill), as Grey Child e as Cockroaches de Silent Hill, o Armless Man/Straight Jacket e as Nurses de Silent Hill 2;
    – a Lisa Garland não aparece exatamente como Lisa no filme, mas com o nome de “Red Nurse”;
    – o segundo filme é baseado no Silent Hill 3, e não no 2 ^^

    Agora, a parte mais tensa: dizer se e por que gosto ou não do filme. É muito chato fazer isso, afinal gosto é gosto, mas a galera meio que já entrou num consenso pelo que li dos comentários.
    Uma adaptação de jogo é MUITO tensa de ser feita (vide comentário do Deivd), então o simples fato de deixar tragável já é louvável da maior parte dos roteiristas. Só que isso também não justifica certas coisas que podiam ter mudado no Silent Hill e que eu não gostei. O que eu não comentei (a maioria das coisas) é porque curti :D

    Já comentaram todas, mas isso também deve ser unanimidade entre os fãs:
    – o Christopher, personagem totalmente dispensável;
    – o Culto, que fica na maior lenga-lenga e é absurdamente irritante, querendo queimar todo mundo (vão queimar a mãe também! ¬¬);
    – a Dahlia, cuja história mudou completamente e fugiu demais da proposta do primeiro jogo;
    – o Pyramid Head que, apesar de muito bem feito, não faz muito sentido e soou mais como um fanservice que como algo necessário;
    – podiam ter colocado mais criaturas pela cidade, aparecem só algumas aqui e ali;
    – outras duas personagens são um tremendo tapa-buraco: a Anna (que inventaram sei lá de onde só pra servir de vítima pro PH) e a coitada da Red Nurse, que era pra ser a Lisa mas só apareceu por 2 minutos e PUTUF! Mataram a coitada (igual no Shattered Memories… ¬¬);
    – colocaram sangue e violência gratuita no filme! Isso pra mim foi imperdoável, exageraram DEMAIS no sangue, pelamor! Aquele banho que a Rose leva no final quando o cara é trucidado pelos arames da Alessa foi a coisa mais absurda que vi, SH jamais precisou apelar pra esse tipo de coisa.

    A ambientação do filme, pra mim, ficou fantástica. Especialmente as músicas, os àngulos de câmera e a sensação de isolamento, que são alguns dos elementos chave de SH e que infelizmente hoje os jogos pecam muito em transmitir. Não aprovo totalmente a adaptação mas também não condeno (coisa rara, já que sou O chato pra essas coisas xD); simplesmente acho que todo mundo, mesmo que não tenha jogado nunca, deve dar uma chance ao filme porque, pra mim, é a melhor adaptação de jogo até o momento.

    Eu poderia ficar mais horas comentando sobre o filme e deixando o texto maior do que já tá (acreditem, eu consigo :P), mas acho que resumi o básico.
    Pra finalizar, concordo com o georges: já passou muito da hora de sair pelo menos UM PÔSTER ou UM MÍSERO TEASER oficial do filme ¬¬

    • Clarice dos Santos
      28/08/2011

      É James, me enganei com o Silent Hill 2, mas c viu que já arrumei minha caquinha?? XD huauhahuahuahuhua. Não sei porque, eu SABIA que era o 3, mas digitei que era o 2…aff. ¬¬
      E sobre os outros personagens, eu sou fan-girl do Pyramid Head, algum “pobrema”? u.u … brincadeirinha^^
      Obrigada pelos toques e pelo comentário gigantesco. Prometo que quando eu tiver o meu PS3 de volta, volto a jogar o primeiro Silent Hill que baixei na PSN e jogo direitinho a série pra não falar asneira…huahuahuahuahu XD~

      • 28/08/2011

        Clá, sem problema algum!! Eu não vi que você tinha arrumado porque, quando fui comentar, ainda tava como o SH2 (sério, eu demorei uns 40 minutos alternando entre MSN e digitar o mega comentário xD).

        Eu gostei do PH no filme também (aliás, AMO esse personagem), tem “pobrema ninhum”, mas ele podia ter um pouco mais de propósito além de simplesmente aparecer, assustar a coitada da Rose e depelar a Anna.
        E nem se preocupe com errar qualquer coisa aí no texto, só tem isso que eu corrigi e nem foi nada de “OHHH, ela nem conhece Silent Hill” ^^

      • Resident ou Silent
        26/12/2011

        Sinseramente SH e RE sãotudo esma coi o Pyramid Head do Sient Hill = Executioner do Resident Evil, James do Silent Hill = Leon do Resindent Evil , sharon Slent Hill = Ashylei Resident Evil Cybil Silent Hill = Adam Resindelt Evil e no “Welcome To Silet Hill” tbm aparece no Resident Evil assim “Welcom To Resdent Evil” concordão?

    • Sputniik
      29/08/2011

      Cara entendo o que você quis dizer e concordo com certos pontos mas da uma olhada nos depoimentos dos diretores:

      “Convincing the makers of the game, Konami, to give Gans and Hadida the rights to make the movie was no small task, but Hadida knew the game’s richly visual aesthetics and spooky narrative would dovetail perfectly with Gans’ encyclopedic film knowledge. Hadida and Gans found that they were competing against more than a few major Hollywood production companies. What made the difference, and it was the only thing that made the difference, was Christophe Gans’ vision, which he conveyed in a thirty minute on-camera statement to the game’s creator, who in turn took that to the Board of Directors at Konami. Gans took home the prize because Konami felt he was the only one who perfectly understood the essence of the game.”

      “Yet at the same time, the difference in media was crucial to understand. “A game is a game, and a film is a film,” says Gans.”
      “In the case of Silent Hill , it is not horror, horror, horror. It’s scary, but it’s very poetic with beautiful, sweeping images and that’s its power.”
      “I cried when I played “Silent Hill 2,” recalls screenwriter Roger Avary. “It’s a beautiful piece of art and it will always exist.But we had to disassemble it and create something new.” Together Avary and Gans spent hours and hours studying not just story elements and details, but how the camera floats through the game. “The one element we always felt we must remain true to is the spirit of the material,” Avary continues. “If not, then all is lost.”

      Sugiro que leia todo o resto, é bem complexo o que ele quis fazer para não perder o contexto do jogo. Vou confessar que não li tudo (é muita coisa) mas tem bastante cisa interessante aí como personagens, as realidades paralelas e as criaturas. Ainda concordo com você sobre Dahlia e Pyramid Head.

      Segue o link com o conteúdo completo: http://www.sonypictures.com/movies/silenthill/site/html/prodnotes.html

      • 29/08/2011

        Sputnik, eu vi essa matéria. Aliás, é uma das que tem traduzidas no meu site, na seção do filme ;D
        Explica bastante coisa mesmo; aliás, todo filme deveria ter matérias assim, com os produtores explicando seus pontos de vista.

        • Sputniik
          29/08/2011

          Adoro seus comentários, sempre leio, sua dissertação é perfeita, sua visão crítica é admirável e o conteúdo é bem abrangente (porque que eu to falando assim?). Enfim, eu não sabia que você tinha um site sobre Silent Hill então vou visitar lá e dar uma olhada, mas antes preciso tomar uns remédios pra não surtar haha’.

  17. nelson o gaiato
    28/08/2011

    sou muito fã do jogo, o filme não foi com Harry mas ficou legal. teve muitas partes que ficaram bem explicado,filme muito massa. esse site ta de parabéns vou entra mais vezes!!

    • Clarice dos Santos
      28/08/2011

      Entre sim e comente mais^^
      Seja bem-vindo XD~

  18. Full Moon
    28/08/2011

    Resident Evil supera Silent Hill até nos cinemas em termos de sucesso.
    Agora que Silent Hill tem mais fidelidade a obra original isso é um fato, mas não adianta ser fiel a obra original e não faturar muito (essa é a realidade). E nesse ponto Silent Hill fica na desvantagem. o filme de SH fez 97 milhões de dólares e com muiiiito esforço. Só agora estão fazendo o novo filme de SH, olha o tempo que levou enquanto a franquia de Resident Evil está indo pro quinto filme. Vale lembrar que boa parte da equipe do filme Resident Evil é a mesma de Silent Hill, inclusive os produtores são os mesmos! Tanto que o novo filme de Silent Hill será em 3D seguindo a mesma linha de Resident Evil 4 Recomeço. Resumindo uma franquia de 5 filmes pode ser tudo menos lixo. Espero que o novo filme de Silent Hill faça muito sucesso ! E aguardo um trailer do filme Silent Hill 2.

    • 29/08/2011

      Full Moon, sem dúvida RE supera SH no quesito $$$ (o apelo de RE é indiscutivelmente maior, a audiência também). Mas não acho que o fato de RE estar no quinto filme ou ter faturado muito signifique que é um filme bom, afinal tomemos como exemplo os filmes que ganham status de cult: são pouco conhecidos, não fizeram quase nenhum sucesso mas são considerados obras de arte pela crítica (não que isso garanta alguma coisa, mas enfim). Se bilheteria significasse filme bom, Titanic seria perfeito xD

      O que estraga RE não é a equipe de produção, do contrário SH também seria ruim. O problema são geralmente dois membros da equipe (e que, nesse caso, é o que difere uma obra da outra): o roteirista e o diretor. No caso do RE, o diretor é o roteirista e, aparentemente (isso é consenso da maioria, não estou inventando), ele mal conhece o universo da franquia de jogos, por isso cria roteiros meio “viajados”. Já o Gans conhece o jogo, joga, gosta e soube transportar pra tela grande os elementos-chave do jogo.

      Problemas todo filme tem, jamais existirá filme ou obra perfeita porque acima de tudo, o que acaba definindo ser algo bom ou ruim é pura e simplesmente o gosto individual (e isso ninguém jamais pode entender ou questionar). E só recomentei, mas que fique claro que aceito e respeito sua opinião :D

    • Leandro (Cotoba)
      29/08/2011

      Não é por nada não mas Resident é um lixo sim, não é pq sou fan do jogo e tals pq mesmo que eu não fosse fan do game eu acharia o filme mto non-sense. Não é pq tem 5 filmes que é uma obra ou seja lixo, os caras da marvel caga nas histórias e tal mas nem por isso acho os filmes lixo.
      O que se salva é o primeiro RE e olhe lá.

      • thor
        29/08/2011

        Que isso velho!!?!? A Marvel caga nas historias e é boa nos filmes? Fala isso não. As historias da Marvel são muito bacanas e bem construidas. A tradição em cagar nos filmes que sao baseados em jogos e gibis é que está em alta. Ex: King Pin no filme do demolidor. Na historia o cara é branco e gigante, no filme é um preto magrinho.
        Agora ta pra sair o Kane e Lynch, onde o Lynch vai ser interpretado pelo Jamie foxx. Belo ator e tal… mas na historia do jogo o cara nao é negro. Nao é racismo e nem nada mas pq mudar assim?
        No gibi do Homem aranha, depois q foi morto pelo doende verde finalmente, vao lançar outra revista com um aracnideo negro com origem latina. É um absurdo isso.
        E o filme novo do X men? É uma piada vc juntar um monte de mutantes que nem eram nascidos na epoca em que xavier andava. Isso é uma afronta aos fãs da Marvel como eu e mais um monte de gente.

        • leandro(leon belmont) alves
          29/08/2011

          tem certeza que você não tem preconceito?

  19. nelson o gaiato
    29/08/2011

    oi
    RESPONDER
    James Sunderland, eu sou o irmão mais novo do leandro. realmente falei que Pyramid Head era bombado e carregava a espada no ombro, sabe como é quem conta a historia aumenta um pouco mais. eu era menor eu li os teus comentarios. vc jogo todos foi gostei muito. Silent Hill THE Best

  20. Carcaju
    29/08/2011

    Quando saiu o filme, eu e um amigo ficamos viajando demais na questão de encaixar o filme na cronologia da série, pois para ser o primeiro jogo não dá, muda muita coisa (embora sejam mudanças que não deixaram o filme destoante da série).

    Mas a gente ficou imaginando que ele cai feito uma luva sendo eventos que acontecem antes do primeiro jogo. O Christopher poderia ter contado para a polícia coisas que aconteceram com a Sharon lá, e para protegê-los, teriam os incluído em algum programa de proteção a testemunha, e mudaram seus nomes para Harry e Cheryl. Intrigado por não saber direito o que houve, visto que ele passa grande parte do tempo boiando, ele resolve voltar lá e investigar por conta própria, e acontece o primeiro jogo.

    Pode ser que alguma coisa não encaixe nessa teoria, mas eu joguei o primeiro já tem uns 10 anos e não lembro tão bem da história.

  21. Tiago Gevaerd Farah
    29/08/2011

    O filme foi digno da série. Algumas cenas são perturbadoras mesmo. Dá de 100 x 0 nos filmes bosta de Resident Evil.

    • leandro(leon belmont)alves
      29/08/2011

      concordo com você Thiago, os filmes de Resident Evil são over.

      • Tiago Gevaerd Farah
        29/08/2011

        O degeração é legal, mas tbm é outra coisa né.

        • Tiago Gevaerd Farah
          29/08/2011

          degeneração*

  22. Max
    29/08/2011

    gostei muitissimo da adaptação, história fantastica, elementos do jogo que ficaram bem bacanas etudo mais, o próprio diretor do filme reconheçe no making off do filme que os fans poderiam ficar chocados pelo fato do protagonista nao ser Harry Mason e sim Rose da Silva, mas isso nao peca no filme, muito pelo contrario ficou ótimo ter colocado uma personagem feminina como protagonista, e o fato de Pyramid head aparecer no filme é meio complicado, mas teremos o monstrão no próximo filme, ai talves explique o fato do bixo aparecer na historia. FLW GALERA! abração!

  23. Letícia
    29/08/2011

    Oee, rsrs. Adorei o site. :3
    Bom, em relação ao filme, não vou falar que não gostei, pois eu gostei. Mas poxa, eu achei que dava pra melhorar um pouco ;). BEBS, TO ESPERANDO MAIS NOVIDADES DO DOWNPOUR, OKAY? :3

  24. Leandro
    29/08/2011

    lembrando que foi cortado cerda de 30 minutos do filme por exigência da Columbia, pois achavam o filme longo demais, prejudicando um pouco o enredo da história (maldito capitalismo ¬¬), mas fazer o que, mesmo assim é um filmaço…

    esse merecia um Director’s Cut… :p

  25. Leandro (Cotoba)
    29/08/2011

    Esse filme é show e espero que continue assim, e outro filme que foi muito bom concerteza foi o Mortal Kombat, pela época e tals foi um ótimo filme.

  26. thor
    29/08/2011

    Eu gostei demais desse filme porque é bem parecido com o game. Custa um diretor pegar um jogo bacana e fazer um filme q seja o mais perto possivel do jogo? Quem nao gostou desse filme com certeza nao gostou de nenhum outro que foi baseado em games, isto é fato!

  27. Bruna Torres
    29/08/2011

    O primeiro filme eu achei macabro! e os outros eu acho legalzinho, mas mais legal são as cenas onde aparecem os inimigos! Cada um mais feio que o outro!!!!!!!!!! medo medo!!

  28. Tiago Gevaerd Farah
    29/08/2011

    O filme aborda também a questão do fanatismo religioso extremamente radical, que mata inúmeras pessoas sem fundamentos consistentes.

  29. Makson
    29/08/2011

    Eu nunca – NUNCA – vou conseguir entender o seguinte: O sujeito está lá vendo/lendo/jogando um fime/livro/jogo e está se interessando horrores; o sujeito tem condições financeiras e morais – outra palavra pra financeiras – pra conseguir fazer a hoje famosa migração de mídias – e vem o lampejo (e exemplicarei com um jogo): “Mas eu gostei tanto disso aqui! Esse jogo ficaria incrível nos cinemas! Hum… mas ficaria melhor ainda se isso aqui fosse assim, se aquilo ali fosse assim…” e yadayadayada. Diabos, então esse sujeito NÃO gosta o bastante disso – no caso, o jogo – pra transformá-lo em filme. Então por que se dar o trabalho?! Por que fazer? Isso serve para QUALQUER adaptação que temos por aí.

    Afunilando para Silent Hill, as coisas se complicam. Em uma entrevista dada na época do filme original, o diretor (o cara daquele filme da Monica Bellucci com Mark Dacascos, Pacto com Lobos) disse encontrar em Harry qualidade maternas o bastante para transformá-lo em um mulher. Não há problemas em haverem novos protagonistas. Não. Na minha opinião, filmes deveriam servir como aqueles livros-novela de diversas séries famosas, sejam de cinema, sejam de TV. Aprofundam e enriquecem histórias de personagens que, muitas vezes, apareceram por apenas alguns minutos na obra original. Os quadrinhos de SH, até mesmo de RE e as novelas de Star Wars são provas do que digo com maestria. O problema está em haverem interações entre esses mesmos novos integrantes e personagens-chave da série que fazem com que a mitologia do jogo original colida e tudo vá por água abaixo. Cybil não teria feito o que fez caso se encontrasse com Rose antes ou depois de conhecer Harry. Tudo seria diferente. Sharon é a projeção física de Alessa?

    Praticamente anular, começar do zero em prol de uma audiência ignorante – nada de pejorativo aqui, ignorante com relação à série – faz parte do mundo de bilhões do cinema. Um amigo que mora no Japão teve aceso ao curta original que o mesmo diretor deste filme fez para ganhar o coração da Konami para fazer esta adaptação. Eu não preciso ver para saber que aquilo é muito melhor que esse longa definitivo. Escreva Silent Hill Inspired no youtube e divita-se com curtas de fãs. Esse aqui em especial http://www.youtube.com/watch?v=CVRHkIZCdnI é incrível. É totalmente non-canon, e isso faz dele muito, muito melhor. Porque enriquece e amplia a profundidade do legado, e não deturpa e modifica fatos importantes e que são sim levados a série por muita gente por aí.

    Há muita especulação a respeito de tudo que gira em torno de Silent Hill. E o mestre nisso é Pyramid Head. Pyramid Head, em épocas de SH2, foi um ícone da altura das criaturas de horror clássico da Universal. Seria Pyramid Head uma criatura exclusiva da mente de James? Ou, como visto no centro histológico de SH, uma criatura icônica mítica da cidade? Mas sua aparição no filme foi meramente estética. Meramente. Como o porquê de ser das criaturas. Sem exceção de NENHUM game da série (Shattered Memories não se inclui aqui), as criaturas são sim – e aqui não há margem para interpretações – exteriorizações dos medos dos personagens em questão (no caso de SH original, dos medos de Alessa, mas seu pai indireto, Harry, se preocupa demais com ela para projetar seus medos na cidade). Seja a mulher com sinta liga nas quatro pernas em SH2, sejam as crianças sem pele de SH1, sejam os monstros manequins em SH3 ou os fantasmas de SH4. Elas estão lá por um motivo. Dahlia está lá por um motivo. Desfigurar personagens importantíssimos é muito ofensivo.

    Outro ponto são as músicas. Importantíssimas em todos os jogos da série, pois estão absurdamente interligadas com os personagens, acontecimentos e locais dos jogos. São realmente importantes. Não são só pano de fundo. E essas mesmas músicas estão cuspidas em momentos aleatórios no filme. É horroroso. Só eu sei como quase fui digerido de dentro pra fora pelo meu estômago na sala de projeção.

    Poderia devagar por horas e horas e horas aqui sobre isso – afinal, nem cheguei na Lisa, nem no Kaufmann -, mas creio que ninguém além de mim mesmo se interessaria. E outra: Dizer que é a melhor adaptação de filme que tem por aí não é mérito algum ao filme. Muito pelo contrário, já que ele se esforça para ser medíocre e consegue simplesmente isso, em meio a filmes de Alone in the Dark, The House of the Dead e demais desgraceiras. Porque o meio que tudo isso permeia é podre demais. Demais.

  30. helinux
    29/08/2011

    com certeza foi o filme mais fiel aos games…silent hill e resident evil são as melhores adaptações dos games ao cinema, apesar que teve algumas falhas!!!!bom jogo e bom filme, um clássico!!!!

  31. sonyawin
    29/08/2011

    a cybill bennett do game lembra um pouco a kristen bell!!!bons tempos de psx!!!

  32. Marcus
    30/08/2011

    Silent Hill é terror de primeira, muito bem adaptado, com atores excelentes, de vez em quando assisto o filme em noites sombrias rsrs adoro a parte em que Rose acorda com a jukebox tocando Johnny Cash

  33. vinicius
    30/08/2011

    No silent hill falta o goanus (porque estamos na época do politicamente correto e falar k-u é uma coisa muito feia)soltar um kame hame ha, ryu soltar um hadouken (o que vai ser difícil) e a umbrela aparecer para destruir tudo. kkk

  34. Guto Collares
    30/08/2011

    Hélio, sou pai de um meninão enfurecido e entendo bem o que você quer dizer.

    Não sei porque razão a cultura ocidental às vezes marginaliza o amor paterno. Não estou certo de que foi isso que aconteceu em Silent Hill, mas de qualquer forma, é um indício. Mas, ainda assim, gostei muito SH nos cinemas.

    É por isso que tenho paixão por filmes/jogos que abordem, de facto, a relação pai/filho (ou filha).

    Coisas que eu gostei incluem (mas não se limitam a)
    Nier Gesthalt (o cara destrói a raça humana pra salvar a filha, exatamente o que eu faria no lugar dele)
    Fallout 3
    A Estrada (movie)
    Um olhar do Paraíso (movie)

    Se souber de outras coisas… Manda ver.

  35. Guto Collares
    30/08/2011

    Legal, né, Bebs? Muito bom mesmo. Antes, o cara era só o “Aragorn” pra mim. Depois do “The Road” ele me convenceu, como um nocaute: É um das maiores atores dessa geração.

    • Carcaju
      01/09/2011

      Muitos anos antes de ser o Aragorn, ele foi o Lúcifer no crááááássico Anjos Rebeldes…

      Comentando seu comentário acima, essa parada de ser pai é foda mesmo. Eu nunca fui um cara de muitas frescuras, e sempre gostei muito do filme Cemitério Maldito, mas não o havia assistido depois que meu filho nasceu, e o fiz a uns dois anos atrás. Cara, eu fiquei muito, mas muito incomodado mesmo na cena que o menininho é…

      S
      P
      O
      I
      L
      E
      R

      … atropelado pelo caminhão. A paternidade mexe com muitos sentimentos, você e o Helio estão certíssimos nessa questão da abordagem do amor paterno.

      Outro exemplo fods demais disso é o Lobo Solitário. Quando comprei o volume 28, demorei quase 3 anos para ler porque eu não queria que a história acabasse. Quando decidi saber como acabava, li tudo novamente e quando cheguei ao final, estava com lágrimas nos olhos (só não chorei porque sou muito macho, huahuahuhauha). A relação de pai e filho construída ali é demais, as palavras do Itto Ogami para o Daigoro no último número são demais!!

  36. Hélio
    30/08/2011

    Estou finalmente quase terminando meu primeiro SH, o Origins! xD
    Já estou no final da parte do teatro, muito tenso! Amanhã eu termino.

    • 01/09/2011

      Vish Hélio, você começou com o 0rigins? :P
      Tinha que ter começado com o 1 mesmo, o 0rigins não é de todo ruim mas é BEM distante da realidade que tem nos outros jogos e que foi a base que transformou SH no que deveria ser ainda hoje.

      Claro, você joga o que quiser, longe de mim querer te dizer o que jogar, mas pode ser que você não curta tanto o 0rigins, acabe desistindo de jogar os outros por isso e deixe de aproveitar o melhor da série (dica: jogue até o Silent Hill 4 e depois esqueça que SH existe XD).

  37. Boa_D_Hancok
    30/08/2011

    Ainda bem que hoje não estou disposta a escrever uma redação de 100 linhas sobre o melhor survivor horror que já joguei e suas adaptações, porque seria capaz de redigir 200 linhas! Vamos lá: “Terror em Silent Hill” foi a MELHOR adaptação de games para cinema que já vi porque: a estória principal foi mantida, as atuações estão ótimas, os efeitos dignos da série… enfim, nem mesmo as substituições de personagens e trocas de nomes me incomodaram diante a tamanha fidelidade para com a obra original que é o ponto principal ao meu ver. Nota 10 para essa adaptação que dificilmente será superada.

    • vinicius
      31/08/2011

      filé seu avatar da hancok

  38. vinicius
    31/08/2011

    Se fosse eu neste filme, virava capitão birth e matava essa menina!

  39. 26/12/2011

    nossa RE e SH são tudo mesma coisa Pyramidi Head de SH = Executioner de RE Sharon de SH = Ashylei de RE Cybil de sH = Adam de RE James de SH = Leon de RE ea placa q aparece”Welcome To Silent Hill tbm aparece no RE assim “Welcome To Resident Evil” concordão?

  40. 26/12/2011

    a Lisa SH = Alice RE,

  41. 26/12/2011

    eu não me arrependo por te passado 7 meses da minha vida salvando o RE 1 2 e 4e mais 2 meses tentando baixa SH no meu PC mais ainda nã consegui:( kkkkk

  42. 26/12/2011

    Feliz Natal a todos Tudo de bom pra vcs e suas familias!

  43. 26/12/2011

    bom podia ter desejado issso a vcs a 3 hr e 40 mnst atras agora e 3:39 da manhã

Crie uma conta no gravatar.com para colocar sua foto nos comentários.

Sempre que comentar em algum blog com o email cadastrado, aparecerá sua imagem.