Rio Game Show leva quase 8 mil gamers à loucura!

Tags: Games Rio de Janeiro, Ralph Baer, Rio Game Show

Por Vivi Werneck

Nos dias 28 e 29 de novembro os gamers cariocas (e alguns de outros estados também) participaram da segunda edição do Rio Game Show – que já é considerada a maior feira de games do Brasil. O evento, que aconteceu das 11h às 20h, foi realizado no Centro de Convenções SulAmérica, na Cidade Nova, num espaço de 3 mil metros quadrados. (Veja a fotogaleria –  que deu trabalho para fazer!)

Dentre as várias atrações, o público pôde conferir stands com lançamentos da indústria dos games, vendas de jogos, camisetas, revistas e acessórios para videogame, uma arena 3D Vision irada da NVIDIA, palestras com executivos e desenvolvedores, campeonato carioca de Wiining Eleven, desafio Beatles Rock Band, arena com arcades e simuladores, demonstração do DJ Hero, exposição sobre a História dos Videogames, os já tradicionais concursos de cosplay, massoterapia com XBox 360 (só faltaram uns caras para massagear as meninas! Hehehe), um sorteio de um XBox 360 (que para variar não ganhei) e por aí vai…

Numa visão geral, essa segunda edição foi mais bem estruturada e apesar de um breve apagão que aconteceu por volta das 14h30 do sábado (que durou cerca de 10 minutos), valeu a pena o esforço de Marcelo Tavares, o organizador do Rio Game Show e maior colecionador de plataformas para jogos do país. O cara tem mais de 200 aparelhos de videogame em seu acervo, com cerca de 3 mil jogos e centenas de acessórios (ai que inveja…).

Marcelo contou que o evento cresceu em relação ao primeiro, realizado na metade desse ano na cidade de Niterói (RJ), e parte disso se deve a um maior patrocínio. “A feira foi mais bem estruturada nessa segunda edição até porque contamos com grandes patrocinadores como a Seven (escola de computação

A figuraça fazendo careta, à esquerda, é nada menos que Richard Cameron, presidente da NVIDIA no Brasil

A figuraça fazendo careta, à esquerda, é nada menos que Richard Cameron, presidente da NVIDIA no Brasil

gráfica), Leadership, NVIDIA e Level Up!. Com isso foi possível investir mais e escolher um local mais amplo, mais adequado. Graças a esses patrocínios também foi possível desenvolver um evento de dois dias, com um horário mais adequado e, principalmente, com o dobro de stands e atrações”, explicou.

Particularmente, o stand da NVIDIA foi o que mais me chamou a atenção (e era um dos mais disputados também). No local, os gamers puderam testar o NVIDIA 3D Vision, primeiro sistema 3D esteroscópico de alta definição, e o PhysX, uma tecnologia que garante realismo aos jogos criando ambientes mais expressivos e interativos. Richard Cameron, o presidente da NVIDIA no Brasil há cinco anos, explicou um pouco melhor como funciona essa tecnologia.

“O 3D Vision combina um óculos sem fio de alta tecnologia, um emissor infravermelho e um software avançado que transforma, automaticamente, centenas de jogos de PC em experiências mais ricas e realistas. O sistema, que também precisar ter um monitor apropriado, é utilizado em conjunto com as GPUs NVIDIA GeForce”, disse. Jogar Left 4 Dead e Street Fighter IV em 3D é animal! Pena que o custo de tudo isso ainda é meio salgado por aqui. Só o óculos 3D custa, em média, R$ 600,00.

Outros destaques dos dois dias de feira foram as palestras, que dessa vez puderam efetivamente ser ouvidas já que foram alocadas num auditório, no segundo andar do centro de convenções. Alguns nomes da indústria de games passaram por lá como Richard Cameron – presidente da NVDIA Brasil; Fabricio Manzi – consultor da Adobe Systems Brasil; Leo De Biase – integrante da equipe de Marketing da Level Up! (nunca comi tanto chiclete com figurinha de game na minha vida!); Renato Siqueira – editor na revista Nintendo World; dentre outros.

Mais o ponto alto das palestras e, ouso em dizer, do evento foi a videoconferência com o alemão Ralph Baer, de 87 anos. O engenheiro criou, em 1969, o Brown Box, aparelho que deu origem ao Magnavox Odyssey, o primeiro console de videogame lançado comercialmente, em 1972. Baer respondeu perguntas do público sobre sua experiência, mercado, dificuldades e obstáculos que enfrentou para implementar o primeiro videogame e sua opinião sobre o futuro dos jogos. Realmente foi uma honra, poder falar com ele! Salvem o Deus do videogame!!! Hail! Hail!

Senhoras e senhores... Ralph Baer - o pai do videogame! Hail! Hail!

Senhoras e senhores... Ralph Baer - o pai do videogame! Hail! Hail!

O saldo final do fim de semana de evento, em minha opinião, foi positivo. Alguns errinhos da primeira edição foram corrigidos, como um espaço maior para a feira e uma sala separada para as palestras ajudaram. Dessa vez era possível notar a presença de uma brigada de incêndio e seguranças. A crítica vai para os preços apocalípticos para se comer dentro do evento (o cachorro quente só com pão e salsicha custava R$5,00!) já que não se podia sair e entrar novamente e, mais uma vez, a queda de energia – que deixou a feira às escuras por pouco tempo (felizmente) no sábado à tarde. Vamos agora ver quais novidades teremos no próximo Rio Game Show, no ano que vem.

Ei André, taí a foto que você pediu para tirar comigo! Obrigada pelo reconhecimento! Beijinhos psychos!

Ei André, taí a foto que você pediu para tirar comigo! Obrigada pelo reconhecimento! Beijinhos psychos!

Fonte: Nonuba Games

Vivi Werneck
Share on Tumblr
Feed do Post
27 Comentários em "Rio Game Show leva quase 8 mil gamers à loucura!"
  1. Renan Rodrigues
    30/11/2009

    Pra variar uma outra feira de games hyper legal que não pude apreciar por morar nessa porcaria de cidade!
    Legal saber que dessa vez teve mais patrocinadores, o que mostra que o Brasil pode crescer nesse “ramo” de convenções de games,etc.

    E olha só, o cosplay de Vega da foto foi feita por alguém que também chama Renan! (ao menos no comentário do Nonuba leva a crer que também se trata de um Renan).

    E Vivi, o nome do cara é Baer ou Bauer? Porque em uam trecho do post (preguiça de procurar) tá Bauer, enquanto nos outros está Baer.

    • 30/11/2009

      Verdade! Já troquei lá, valeu! e sim, o nome do Vega é Renan mesmo! XD

      • Renan Rodrigues
        30/11/2009

        Isso aê! São os Renan’s mostrando que mandam ver em todas as áreas!

        O cosplay ficou super legal, pena que é do Vega. Odeio o Vega.

  2. 30/11/2009

    Q legal. Parece que foi muito bom mesmo!
    Pena que não tem nada disso por aqui! :(

    • ViNi-еsTStØ®M
      02/12/2009

      num liga naum, se vc chegar, aki na minha cidade e começar a falar de Halo, o povo axa que é comida, ou outro nome para “Apocalipse”

      LOL

  3. Erick Lessa
    30/11/2009

    ótima cobertura vivi, parabens viu!!!
    deu uma vontade enorme de ter ido… pena q os 3000km não deixaram uhasuhasuhasuhasuhasuash
    beijao linda!!!

  4. thallis
    30/11/2009

    nossa fiquei com mal inveja do rio mais quando tiver algo parecido em são paulo eu vou

  5. Shadow Warrior
    01/12/2009

    “massoterapia com XBox 360 (só faltaram uns caras para massagear as meninas! Hehehe)”
    Pois é, ninguém me convidou T_T (hahaha). Agora falando sério, deve ter sido muito bom.
    Ainda bem que o apagão não estragou a “festa”. Nessas horas que vemos a falte que faz ter um DS ou PSP…

    • Shadow Warrior
      01/12/2009

      Falte??? Nessas horas que vemos a “falta” que faz não prestar atenção antes de enviar o comentário… =/

  6. Shadow Warrior
    01/12/2009

    Como vc pode perder uma oportunidade desas??? Se o povo tava pagando isso só pelo pão e a salsicha imagine o quanto não pagariam para comer a sua macarronada feliz e maravilhosa com salsicha e batata-palha. XD

  7. 01/12/2009

    É ,aqui no Rio tá essa moda nos eventos ,de cobrar preços altíssimos ,apra belisquetes q são vendidos na porta dos evento por 1/2 do preço !

  8. Luan
    01/12/2009

    reaparei alguma coisa de estranho quando no beatles rock band tava todos os jogadores como Marcelo Tavares, Vivi, vc foi no sábado?

  9. 01/12/2009

    Fala galera, olha eu dando as caras depois de um longo tempo de recesso…

    Pois bem, parabens pela cobertura do evento, muito bacana mesmo, eventos voltados a gamers são sempre muito bem vindos, e é bom ver q eles estão ficando cada vez melhores. XD

  10. 01/12/2009

    Vivi, sabia que conhecia o seu rosto de algum lugar. Eu lhe vi lá no evento. O seu post está ótimo. Sou Renan Barreto (mais um Renan rs) dono do Brasilstation e também participei da coletiva com o Ralph. Concordo com tudo que disse.

    A assessoria foi super solicita conosco e nos mandava tudo que precisávamos. O evento foi legal, embora precise melhorar, mas as melhorias virão quem sabe no próximo RGS.

    PS: Fui somente no sábado.

    Abraço!

    • 01/12/2009

      Oi Renan (todos os Renans são bem vindos no GoW! rs). Cara, algumas pessoas, assim como vc, disseram que me viram por lá, agora fico me perguntando pq nao vieram falar comigo? rss… Não sou estrela, não mordo (ui) e nem tinha levado meu machado no dia! rsrsrs… Só 3 meninos vieram falar comigo (q me reconheram do blog) e um deles tirou a foto que está nesse post. Da próxima vez podem vir conversar ok? bjos =D

      PS: Vovô Ralph é um veinho muuuuuito simpático!!! *_*

      • 01/12/2009

        Na verdade, Vivi, eu conheci o blog hoje rs Falha… rs Essas pessoas excluídas digitalmente rsrs Achei ótimo por sinal. Eu reconheci sua foto quando entrei no blog porque lembrava de você da teleconferência. rs Bem, eu tava de camisa preta, nem sei dá pra reconhecer da foto. rssr

        bjo!

        Valeu!

        Psone: Ainda bem que os Renans são bem vindos rsr

        PS2: concordo plenamente, Ralph é um vovô que todo mundo quer ter.

  11. PH!
    01/12/2009

    Q invejinha q deu por nao poder participar… ¬¬’

    Mas, como eu não podia ir mesmo, cometi de longe uns “apaguinhos”. A única vantagem de se trabalhar em Furnas é ter a energia eletrica (lê-se tb os gamers) na mão. Comprem seus geradores.

    Caramba, Ralph Baer! Não sabia q um deus, além de onisciencia e milagres, tb usava videoconferência!

    Bacana a cobertura, fotos legais, só achei q faltou mais informações sobre os jogos mais paparicados na feira. No mais, tudo baum.

    p.s.: Rebeca, aposto q esse dog q tu comeu foi no Miquéias! Baum dimais!

  12. 01/12/2009

    5 reául? eu com 5 reais aqui tenho um alomoço de rei! DE REI!
    …do lixão.

    Enfim, maaaaaaaais uma vez, esses eventos interessantes ficam apenas no eixo RJ/SP. Nordeste q é bom, qdo muito, tem a parte de games num evento de anime em q vc tem q suportar adolescentes leitores de Prepúcio e otakus cabacentos.

  13. PH!
    01/12/2009

    AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAOIUHAUIHAIUHAUIA!!!!

    LEITORES DE PREPÚCIO! AAOIHAIUHAIUHAIUHAIUHOUIHAIUHAOIUAHI!!!!

  14. 02/12/2009

    Que saco! Não pude ir na última hora :(
    Malditos trabalhos surpresas…

    Queria muito ter visto a estande da NVIDIA e a entrevista com o Baer (HAIL!) E quem sabe jogar Uncharted 2 numa TV fodona (será que tinha?)

    Mas a maior decepção foi não ver a Yuki que tava cosplayando a Jill valentine *morredocoração*

    ótima matéria-post. parabéns :)

  15. 02/12/2009

    Foi uma honra ter tirado a foto com a Vivi e muito obrigado por ter postado! Ano que vem espero encontrar com vc de novo pra tirar outra foto e colocar tbm no Blog XD

  16. 02/12/2009

    Ótima matéria Vivi!

    Adora as suas coberturas nos eventos!

    Brasil realmente está cada vez mais ficando valorizado em termos de convenções de games. XD

  17. Al1n3
    08/12/2009

    Eu fui na feira no domingo!
    Achei muito legal mas acho q poderia ter sido melhor!
    Poderiam ter feito uma arena de jogos com warcraft , need for speed e tal!
    Feira assim de tech no Rio é dificil !
    A ultima q fui foi nesse mesmo lugar mas ficou as moscas.Foi tenso!
    Mas ainda espero sempre o melhor!
    vlw

Crie uma conta no gravatar.com para colocar sua foto nos comentários.

Sempre que comentar em algum blog com o email cadastrado, aparecerá sua imagem.