Razer e HyperX com novidades para os gamers brasileiros

Tags: acessórios gamers, BGS 2014, Brasil Game Show, Brasil Game Show 2014, Headset HyperX Cloud, HyperX, HyperX Predator DDR4, HyperX Savage, HyperX Skyn, Kingston, Razer, Razer Blackwidow Chroma, Razer Smartband Nabu, SSD Fury

overclock-hyperx-girlsofwar

A Brasil Game Show já acabou, mas o assunto ainda vai render bastante aqui no Girls of War (têm umas entrevistas iradas para sair nos próximos dias), mas hoje vamos falar sobre uma parte importantíssima na vida de todos os gamers: acessórios! Primeiramente, é difícil falar em acessórios para games sem lembrar logo da Razer, mas nessa BGS os visitantes tiveram a feliz surpresa ao conhecer melhor a HyperX – a divisão da Kingston dedicada exclusivamente para acessórios e hardwares para turbinar o seu PCzinho do coração.

Mas vamos dar uma passada primeiro na Razer, onde novamente batemos um papo com João Martins – Diretor da Razer Brasil. O público brasileiro pôde ver, pela primeira vez, a nova versão do Razer Blade de 14’, a recém-anunciada linha Chroma de acessórios e a pulseira inteligente Nabu, que envia notificações diretamente do smartphone do usuário para o acessório, além de ter funções integradas com as mídias sociais.

Razer-Chroma-Review

“A linha Chroma é o relançamento de três produtos fortes aqui no Brasil. Um deles é o teclado Razer BlackWidow Chroma, que vem para a linha de teclados mecânicos da Razer, um pouco acima do Razer BlackWidow 2014. Além da beleza e da configuração de 16 milhões de cores, ele sincroniza com jogos e aplicativos, tem funções especiais e responde de formas diferentes de acordo com as ações dentro de alguns jogos. Este é certamente um teclado que dá uma vantagem extra ao jogador”, explica João Martins.

Outra atração do stand é a Razer Smartband Nabu. A pulseira, que pode ser sincronizada com iOS e Android, permite que o usuário receba notificações – por exemplo –  de Whatsapp, Facebook, Instagram, email, telefone, etc. João deixa claro, no entanto, que a Nabu não tem a intenção de substituir os smatphones e tablets, “mas sim para dar atalhos ao usuário com uma notificação rápida do que está acontecendo no seu celular – caso você não possa atender no momento ou precisa ser avisado de algo”.

vitor-martins-razer-girlsofwar

João Martins usando a Razer Smartband Nabu.

Outra coisa interessante da Nabu, que também tem uma função fitness (ela mostra quantos passos você deu, por exemplo, e a quantidade de calorias que queimou), é a unção social da pulseira. João explica que se outra pessoa também tiver a smartband e as duas fizerem um “high five”, automaticamente, já ficam amigas no Facebook.

A Razer Smartband Nabu estará no Brasil no início de dezembro de 2014. Já a linha Chroma, composta por novos mouses DeathAdder, teclados BlackWidow e headsets Kraken 7.1, você pode dar uma pesquisada que já deve estar nas lojas.

 

HyperX chega metendo o pé na porta com sua linha gamer

Eu, particularmente, amo a Razer e ainda quero ter o teclado da série Chroma, mas tenho que admitir que me encantei demais esse ano com os produtos da HyperX, a divisão da Kingston voltada para gamers. E gostei tanto que até levei um headset HyperX Cloud para casa, especialmente depois que descobri que ele é compatível também com o PS4 (veja a foto abaixo).

hyperx-girlsofwar (5)

Além do headset, que é super confortável, com um som excelente e um redutor de ruídos irado (eu o testei na BGS e ele conseguiu filtrar uns 70% da barulheira em torno do stand), a HyperX também trouxe como novidades para os brasileiros o mouse pad HyperX Skyn, que é bem fininho (tipo uma folha de papel) e possui uma superfície aderente a mesas. O mouse pad vem em embalagens individuais ou com duas unidades: uma que garante mais controle e precisão e outra que oferece mais velocidade.

Também não poderiam faltar o carro chefe da empresa: as linhas de memórias turbinadas. Nesse ano, vieram as memórias HyperX Predator DDR4 – que combinam alta frequência, baixa tensão e agressiva latência do CAS (indicador da quantidade de pulsos de clock que a memória leva para retornar um dado solicitado). Para quem ficou interessado (quem não ficaria? *_*), a Predator DDR4 estará disponível em breve no mercado brasileiro em kits de quatro módulos com capacidade total de 16GB, tensão a partir de 1,2V e frequências que variam de 2133MHz a 3000MHz.

memorias-hyperx-girlsofwar

Além da Predator, a divisão da Kingston também trouxe as memórias HyperX Savage, que além do design arrojado, possuem revestimento em alumínio e um super útil dissipador de calor assimétrico. A Savage também conta com um perfil baixo que possibilita encaixe perfeito mesmo em desktops com coolers grandes. Essas memórias já estão disponíveis no Brasil em versões com frequências que variam de 1600MHz a 2400MHz e capacidades de 4GB e 8GB em módulos single, e 8GB, 16GB e 32GB nos kits dual-channel e quad-channel.

 

Meu kit turbinado da HyperX

Para a minha surpresa e extrema alegria psicótica, a HyperX me enviou há alguns dias um super kit para tirar o meu T-Rex (apelido carinhoso do meu PC jurássico) do coma: recebi em casa um kit de memórias Fury (de 8GB e com 1866mhz) com dissipador de calor e um SSD Fury 120GB. Depois de um entusiasmado grito de “Caraaaa… melo!!! Ponte que Partiu!!!” (não exatamente assim, mas vocês entenderam), me aventurei na – até então – terra desconhecida de abrir o meu gabinete para instalar as crianças.

kit-hyperx-girlsofwar

Instalar as memórias foi tranquilo, só tive mais dificuldade na hora de configurar o SSD como unidade secundária no meu Windows 7, mas a Central de Ajuda  – no próprio site da Kingston – realmente ajudou muito e consegui configurar a nova unidade no PC. A diferença de desempenho do T-Rex agora é absurda. Configurei alguns jogos para iniciarem a partir do SSD e, em pouquíssimos segundos, tudo já estava lindo em rodando bem – ao contrário de antes que só o loading inicial levava uma vida.

hyperx-girlsofwar (4)

As memórias já instaladas no meu PC.

Não pude, infelizmente, substituir completamente o SSD pelo meu HD por conta da diferença de espaço para armazenamento (SSD=120GB | HD=1TB), mas para o que já me propus a fazer com o Fury está ótimo. Como não sou expert em hardwares (apesar de conhecer bastante coisa), gostaria de saber de vocês como posso tirar ainda mais proveito do SSD. Aceito sugestões.

Por último, mas não menos importante, nem preciso dizer que os novos 8GB de memória aposentaram o balão de oxigênio do T-Rex (que antes só tinha 4GB). Tanto os jogos como alguns programas mais pesados que costumo usar, Photoshop – por exemplo, tiveram um ganho de performance considerável.

Recomendo fortemente darem uma olhada nessas memórias HyperX na próxima vez que forem fazer um upgrade nos computadores de vocês. O ganho no desempenho é impressionante!

Vivi Werneck
Share on Tumblr
Feed do Post
6 Comentários em "Razer e HyperX com novidades para os gamers brasileiros"
  1. Hannya
    26/10/2014

    Também não sou expert em hardware, mas minha intuição (e o uso que faço aqui) é instalar no SSD os softwares, Windows e jogos, e no HD deixa coisas de dados como fotos, musicas, ISOs, etc etc.
    Infelizmente eu não percebi grande diferença de performance em jogos, mas o Windows realmente entra bem mais rápido e faz as coisas mais rápido de forma geral.

    • Vivi Werneck
      26/10/2014

      a questão é que o SSD só tem 120GB. Meu HD tem 1TB. Não dá pra simplesmente “trocar” um pelo outro.

  2. Alessandro messias
    27/10/2014

    Show esse teclado Vivi, um dia quem sab aiai. E relaçao ao hd se o seu d 1TB for dividido/particionado a partição q tiver o sistema for menor q o ssd vc pod clonar apenas ela no novo hd :).

  3. The Punisher
    27/10/2014

    Um SSD 120GB só daria para no máximo o Sistema mesmo. O HD do meu notebook por exemplo está particionado e a unidade C exatamente com 120GB. E a aconselharia Vivi, a substituir o Windows 7 pelo 8.1

  4. Sovereign
    02/11/2014

    No SSD os jogos carregam bem mais rápido, mas desempenho não muda muito em relação aos HDDs. Eu instalei o Windows no SSD(raid 0 2×180) e após 1 ano, continua carregando o SO em menos de 1 minuto. Por conta do preco alto e baixa capacidade de armazenamento, SSD melhor apenas pra instalar win e jogos ou aplicativos que usa com frequência. A diferença eh enorme em desempenho. Win 8.1 já foi criado pensando em desempenho no SSD.

  5. n00b
    19/11/2014

    vivi, qual tua placa de vídeo?:D eu recomendo a 980 e a 970 gtx novas, principalmente a 980, consumo baixíssimo e desempenho impressionante

Crie uma conta no gravatar.com para colocar sua foto nos comentários.

Sempre que comentar em algum blog com o email cadastrado, aparecerá sua imagem.