Profissões Gamers: Game Artist

Tags: desenvolvimento de games, game artist, game design, jynx playware, profissões gamers

Continuando no embalo da Jynx Playware (eu entrevistei a coordenadora de projetos deles no post anterior), hoje trago a participação de outra linda que trabalha lá: Valeska Martins, a Artista da desenvolvedora pernambucana. O profissional de arte, como todo mundo sabe, cuida da estética dos jogos. Ele pode atuar em várias “frentes”, da concepção de personagens e cenários aos menus e mapas, passando pela própria marca do projeto. Em grandes empresas há artistas para cada parte específica, em empresas menores é comum haver apenas um artista cuidando de toda a identidade visual. Então vamos conhecer o caminho da Valeska para entrar no mercado gamer? Lembrando que apesar de ela ser mulher, as dicas valem para todos.

Obs: Este post vai em especial para a galera que andou pedindo por artistas aqui na coluna. ^^

– O que te levou a seguir sua carreira? Sempre planejou trabalhar nisso ou aconteceu por acaso?

A paixão por games sempre existiu, desde criança. Mas pensar em trabalhar com isso nunca me ocorreu até entrar na faculdade de Design (na época, o curso era Desenho Industrial).

Estava no 3º período (2001) quando vi uma vaga de estágio para uma empresa de jogos aqui em Recife. Até o momento não sabia da existência de empresas de jogos no Brasil, muito menos em Pernambuco. Passei a me dedicar mais ao desenho pensando em um dia trabalhar na área, mas nunca apareceu a oportunidade certa. Acabei trabalhando com gráficas, agências de publicidade, empresas de softwares, mas jogos mesmo só quando entrei na Jynx, no início deste ano.

– Qual caminho precisou trilhar, acadêmica e profissionalmente, para chegar onde está?

Me formei em 2004 e desde então venho estudando bastante, tanto ferramentas gráficas quanto teorias do design que podem ser aplicadas no dia-a-dia da produção de jogos, como metodologias pra agilizar o processo, evitar erros e aumentar a chance de sucesso do produto.

Ano passado trabalhei com pesquisas acadêmicas voltadas ao mercado de jogos local e aplicadas na Jynx. Aprendi muito sobre jogos no geral, como está o mercado tanto daqui quanto do mundo. Não basta só jogar, tem que entender o funcionamento das coisas, pra quem o jogo será feito, etc.

Pra quem realmente quer trabalhar com jogos, procure os profissionais da sua área de interesse, troque ideias, leia bastante e se informe. No meu caso, escolhi ser artista de jogos, é mais a minha cara. =D

– Como é a profissão? E o mercado na sua área?

O artista de jogos é aquela pessoa que vai cuidar do visual. As tarefas variam de empresa pra empresa, depende muito do foco e do tamanho da equipe. Como aqui no Brasil as empresas ainda são pequenas, normalmente a mesma pessoa pensa em toda a identidade do jogo, desenho de personagem, cenário, objetos, dentre outros. É importante que o profissional de arte seja versátil. O mercado muda constantemente e é necessário que a pessoa esteja preparada pra se adaptar a tudo. No momento mesmo, o que está em alta é jogo mobile (pra iPhone, Android, etc) e social (principalmente pra Facebook), que normalmente exigem um traço mais cartunesco. Também é bom que o artista saiba fazer interfaces e animações.

Sem contar que comunicação é essencial, em todas as áreas! Então uma boa integração com toda a equipe (game design, programação e gerência) cria um ambiente de trabalho super saudável e ainda deixa o resultado final do jogo muito melhor!

Outra coisa: saber filtrar as críticas. É normal o artista se apegar ao que criou, então a dica que eu dou é: pratiquem o desapego. :)

No meio do projeto é comum acontecer meio mundo de mudanças, então nunca se apegue demais a nada. Mas também saiba defender o seu ponto de vista. Já aconteceu de cliente pedir alteração mas eu argumentei que não seria interessante, pois ficaria diferente do conceito do jogo, ou que aquela composição não seria tão boa. É claro, com muito embasamento e jeito de falar. Lembrem-se: comunicação é TUDO! :D

– Passou alguma dificuldade ou teve alguma vantagem por ser mulher num meio, ainda em sua maioria, masculino?

Engraçado, pensei que fosse encontrar mais preconceito por ser mulher e querer seguir carreira na área de jogos. Mas foi o contrário, a maioria tem recebido muito bem, até incentivam e ficam felizes vendo que mais mulheres se interessam por isso!

Como a Camila já falou, na Jynx mesmo, praticamente metade da empresa é de mulheres. Na faculdade também, quando comentava com os meninos que queria entrar no mercado de jogos, nenhum deles estranhou ou tentou me colocar pra baixo. Talvez com as pessoas mais velhas a idéia não tenha sido tão bem recebida, mas não foi por ser mulher ou homem, mas sim por desconhecer a área.

Então, meninas que se interessam, vão em frente! =D

*************************************************************************************

Sempre morro de orgulho lendo os depoimentos das meninas da Jynx, gente. ♥

Eu também sou formada em Desenho Industrial. \o/

Esse é um curso que abre muitas possibilidades para quem deseja trabalhar com games. Recado para os vestibulandos que gostam de arte aliada a projeto, mas ainda não tem ideia de que curso tentar: vale dar uma pesquisada sobre design. ;-)

– Clique aqui para acessar o site da Jynx Playware

– Clique aqui para acessar o Facebook da Jynx Playware

PS: A imagem de Okami que abre o post é apenas para enfeitar.

Bebs
Share on Tumblr
Feed do Post
29 Comentários em "Profissões Gamers: Game Artist"
  1. 03/10/2011

    Aeeee Val!!!!!! \o/

  2. valeska
    03/10/2011

    Muito feliz de ter participado da entrevista. Desde que conheci o blog, virei fã dessas meninas! <3
    É isso galera, são dicas bem simples mas que ajudam muito. O importante é não desistir do sonho. =D

    E Bebs, super orgulho de sermos do mesmo curso! ^^

    • Hélio
      04/10/2011

      Parabéns, moça! ^^

  3. Lucy
    03/10/2011

    Nossa…Muito legal!!Queria saber desenhar bem pra entrar de cara em desenho industrial!

    • valeska
      03/10/2011

      É, Lucy! O importante é vc ter um mínimo de noção de uso de cores, formas, etc. Não precisa ser o melhor desenhista do mundo. ^^ Muita gente da minha turma sabia fazer só desenho de palito, pra vc ter ideia.
      Em design, o mais importante é pensar em soluções e estratégias. Se souber desenhar, é um plus. =D

  4. Daniel Braga
    03/10/2011

    Créditos novamente ao GD legal e amigão aqui que indicou o blog o/ =P

    Abraço pra Bebs também, ou seria Negão Gostoso 84? uheahueahuaehueauhaebrbr

  5. Lipe!
    03/10/2011

    pretendo cursar artes visuais e tentar esta area.
    vale a pena?é que não queria me focar só em “desenhar games”,mas outras formas de arte mais tradicional.

    • Lipe!
      04/10/2011

      pois é,vou fazer prova específica nesse dia 24…ano passado eu fiz e passei,mas não passei no vestibular em si.
      torça por mim.
      o/

  6. Lucas (Mangá)
    03/10/2011

    Wow post epecial pra min *-* UHAUHAUAUh Vlws Bebs linda ;D gostei mtoo e pretendo virar um game artist

  7. 03/10/2011

    Valeska sempre foda! *-*
    E muito boa a pergunta sobre como e o quê ela estudou pra chegar na profissão (principalmente às coisas relacionadas à formação), faça SEMPRE essas perguntas, Bebs, POR FAVOR! T_T

    Perguntinha boba: pra cursar design/design industrial tem que saber desenhar MUITO bem?

    • Bebs
      04/10/2011

      O “desenho” no nome do curso engana. Você pode entrar sabendo desenhar apenas casinhas e bonecos de palito, o importante mesmo é ter um bom “olhar” pra formas, composição, etc e no próprio curso aprendemos várias técnicas. :)

    • Valeska
      05/10/2011

      Obrigada, moça! ^_^ Então, como a Bebs disse, não precisa ser super desenhista. Existem outras coisas mais importantes pra ser um bom profissional da área.
      Agora, no caso de arte pra jogo, precisa saber desenhar sim. ^^

    • 05/10/2011

      Valeu pelas respostas, girls!
      Também li as respostas às outras pessoas, elas ajudam muito!

      Eu tenho MUITA dúvida quanto à qual curso escolher na faculdade, e como eu já falei antes, dos meus hobbies, games é o único que me deixa com vontade e à vontade com a idéia de trabalhar (eu não acho que coseguiria escrever um livro, e nem teria paciência pra traduzir eles haha, por exemplo! sobram os games!)

      Eu perguntei sobre o desenho porque eu desenho desde pequetitica, mas desenho porque gosto, e vou ‘evoluindo’ minha arte aos poucos, nunca estudei, daí tenho medo de não estar à altura, sabe? Ai, daí é XD

      Enfim, OBRIGADA GIRLS!
      Bebs, continue com essa coluna, é ótima S2 (e eu passo pra diversos amigos que tem interesse, tá ajudando muito todo mundo! XD)

  8. Sputniik
    04/10/2011

    Rum, interessante. Eu não sabia que na área de desenho o artista precisava ser tão versátil como ela disse. Sempre achei que, por mais simples que o jogo fosse, teria um profissional especializado em cada área. Tipo, um profissional especializado em ambientação vai trabalhar somente na área de ambientação.

    Valeu o post. Ainda tenho algumas dúvidas sobre essa área específica do design, mas já deu pra sacar bastante coisa.

    • Sputniik
      04/10/2011

      Ok,

      – Quais são as áreas especializadas do design gráfico usadas na construção de um jogo? Para facilitar (ou não) vamos considerar um jogo grande como GTA que usa mapa aberto.

      – Nos comentários está se falando muito em talento. Então, considerando um designer que começou agora o curso e não sabe desenhar, quais são as principais limitações que ele vai encontrar quando for trabalhar nessa área? Que, por melhor que seja a ferramenta de software, não é ela quem desenha.

      • Bebs
        04/10/2011

        Como suas dúvidas são mais específicas da área de games, vou pedir pra Valeska vir responder assim que tiver um tempinho. ;-)

      • Valeska
        05/10/2011

        Oi, tudo bem? ^^

        Vou tentar resumir as respostas. =D
        Então.. essa primeira pergunta é bem complicada. Jogo grande, tipo GTA ou qualquer outro triplo A tem a produção bem diferente de um jogo casual ou social.
        Nas grandes empresas existem vários artistas que cuidam de diferentes aspectos. Pra ter ideia, normalmente existem pessoas especializadas só na parte do concept, ou que faz só as texturas aplicadas ao 3D, etc.
        Alguns nem são formados em design, tem gente que é de artes plásticas ou de outros cursos relacionados.

        Quanto à segunda pergunta, é legal que, antes de mais nada, vc estabeleça metas. Quer trabalhar no Brasil? No exterior? Que tipo de jogo? Que tipo de especialização? Quer trabalhar com 2D ou 3D?
        Essas perguntas são importantes pra te direcionar. ^^
        É bom aprender os softwares também, mas principalmente estar antenado no que o mercado está pedindo e sempre estudar desenho, interface, etc. ^^

        • Sputniik
          05/10/2011

          Obrigado pelas respostas rs. Sempre tive interesse pela área de design mas não estou cursando e nem pretendo sou só um curioso mesmo. É uma das profissões que eu admiro, não importando a especialização. Enfim, obrigado pelas respostas e pela entrevista Valeska, e obrigado também Bebs pelo post.

  9. 04/10/2011

    Muito boas as entrevistas desse site. Eu sempre me interessei pela arte nos games. Gosto muito de desenhar mas estou tendo dificuldades para direcionar minha carreira. Queria saber se é necessário ter uma formação acadêmica para trabalhar na área?

    • Bebs
      04/10/2011

      Formação acadêmica é um bônus no currículo, mas não é necessária. O imprescindível pro profissional de arte é se aprimorar sempre. Independente de como você vai fazer isso (em cursos ou autodidata), tem que se manter atualizado sobre o mercado, técnicas e materiais, softwares gráficos, referências culturais.

      Dei uma olhada no seu link, você manda bem no desenho e na pintura digital. Pode procurar estágio de artes visuais em revistas, jornais locais, agências de publicidade/marketing. Manda emails pros RH com seu portfolio perguntando sobre vagas, uma hora alguém responde positivamente. :)

      • 04/10/2011

        Valeu pelas dicas. Vou procurar mas não na minha cidade. Aqui não tem nada. Vou ter que tentar São Paulo mesmo.

  10. The Punisher
    05/10/2011

    Como sempre Bebs, muito boas as entrevistas.

  11. Ana
    05/10/2011

    Mais uma coisa pra me incentivar! \o/

  12. Raul Mosanio
    05/10/2011

    òtimo post Bebs.To estudando pra trabalhar com concept art… nesse mês tambem vou fazer a prova pra artes visuais aqui em fortaleza.Cada vez mais tenho orgulho de estudar isso.to tendo ajuda com um amigo que trabalha mais ou menos nessa aréa.

  13. 05/10/2011

    Parabéns pelo post! Muito interessante mesmo!

  14. Janaina (jana)
    25/04/2012

    Olá meninas,
    Me chamo janaina e tenho 17 anos.Conclui o ensino médio em 2011 e agora estou a procura para ingressar em uma faculdade!
    Desde de pequena sou atraída por cores, artesanato porém tento fazer alguns rabisco…. mas para ser franca não sei desenhar.=(
    Me interessei por esse lado artístico quando pequena, que aprendi a fazer os primeiros bordados, logo entrei na dança aonde sou bailarina de Jazz a 7 anos aqui no teatro na Cidade, já fiz um cursinho básico em Design e mês passado conclui um cursinho intensivo de Fotografia Básica na ABRA – Academia Brasileira de Artes. E tbm curto esse lado de games.

    E ando pesquisando muito para não me arrepender.
    O que realmente gostaria de saber, é que o meu grande problema é não ter a técnica de DESENHAR, caso eu comece à fazer ARTES VISUAS, OU outro curso como Design encontrarei muitos problemas ao decorrer do curso?

    Ficarei muito grata, se puder me Ajudar ou algumas dicas = )

    Vlw Menina!

    • Bebs
      26/04/2012

      Você pode sentir dificuldade em algumas matérias, sim. Mas não é impossível fazer Design ou Artes Visuais sem saber desenhar. Como sempre digo, alguns caminhos não exigem muita técnica de desenho. Durante o curso, inclusive com a ajuda dos professores, você acaba encontrando uma área que tenha a ver com suas capacidades, aí basta focar seus projetos nela.

      Uma área bem legal é o Design de Superfícies (dá uma olhada aqui e aqui). O profissional desenvolve estampas, padronagens, texturas pra aplicação em variados meios. Por exemplo, tem designers que vivem de criar estampas pra tecidos de grifes de moda, nem todos desenham. Alguns trabalham apenas com formas simples, mas fazem composições e misturas de cores incríveis.

      Se tiver mais dúvidas, pode perguntar. ;)

  15. Jana
    01/05/2012

    Poxa Bebs, muitoooooooooooooooo obrigadaaaaaa mesmoo!!! =D

    Li e estou lendo bastante sobre Design de Superfícies! É Um curso bem legallll

    Para ser realista é mt complicado sair do ensino médio e ficar perdidona :(

    eu trabalho com importação mais nao é aquilo q sinto q seja o meu futuro….

    Valeu muito pela Dica Bebs,
    mais uma pergutinha :\…. Vc sabe se tem algum curso, graduação em SÃO Paulo?? estou fazendo uma procura pela net aqui tbm se souber vc me fala por favor …..

    Beijinh e Brigadão!!! =)

Crie uma conta no gravatar.com para colocar sua foto nos comentários.

Sempre que comentar em algum blog com o email cadastrado, aparecerá sua imagem.