Need for Speed Underground – Saiam do caminho!

Tags: corrida, EA games, Need for Speed Underground, NFSU, race, tunning

 

nfsu

Por Vivi Werneck

Carros tunados e corridas desafiadoras de tirar o fôlego. Ah… Tudo o que mulher gosta! Ora, por que não? Lembro que na época que comprei Need for Speed Underground não esperava que fosse me divertir tanto. E melhor, montando meus próprios carrinhos. E eles eram super potentes! (Depois ainda dizem que mulher não entende de mecânica!). Bom, agora chega de enrolação e vamos ao game…

Apostando no sucesso do filme Velozes e Furiosos (2001), a Electronic Arts resolveu dar um tunada em seus games de corrida com o lançamento de NFSU. Nessa edição, ao contrário das anteriores da série, as corridas acontecem somente à noite e desrespeitar as leis de trânsito é quase obrigatório para você se dar bem no jogo (aquelas “casquinhas” que você tira dos outros carros no trânsito te rendem ótimos pontinhos extras!). Claro que se fosse um game da Rockstar provavelmente você seria incentivado a explodir os carros para conseguir um extra bônus carnage (isso não é em Carmageddon?), mas por se tratar da EA, antes do joguinho começar aparece um vídeo, do tipo politicamente correto, mostrando que na vida real você deve dirigir com segurança. Muito emocionante…

O joguinho

O modo carreira (Go Underground), o principal do game, segue os mesmos padrões de games de moto da geração 16 bits. Neles, o jogador escolhia uma moto e um personagem, vencia as corridas, ganhava dinheiro e comprava equipamento para melhorar seu veículo. Mas em Need For Speed Underground, além do dinheiro, é preciso conquistar também pontos de prestígio, que darão acesso a alguns itens escondidos. Para isso, basta realizar curvas perfeitas, trocar as marchas no momento exato, fazer ultrapassagens profissionais, ganhar pontos por derrapagens sem colisão e por aí vai.

Em NFSU é possível escolher entre carros usados casualmente pela maioria dos mortais, como um Golf GTI, um Mitsubishi Eclipse, um Honda Civic, um Peugeot 206 ou um dos 16 outros modelos disponíveis para personalização (O meu Eclipse era lindo!!! *Momento nostalgia*). Nos primeiros desafios, o jogador terá que encarar os adversários com um carro praticamente original de fábrica (uma meleca).

À medida que vai progredindo, você adquire pontos que podem ser trocados por upgrades mecânicos e visuais. Em menos de 20 corridas, das 111 necessárias para finalizar o modo carreira, seu carro já estará irreconhecível e irado!!! É possível colocar adesivos, neon, molas, faróis xenon, turbo, nitro e mais um grande número de itens e acessórios, todos devidamente licenciados junto aos seus fabricantes. Portanto, os tuneiros de plantão encontrarão no game marcas conhecidas, como NOS (minha preferida) e sua concorrente NX, MOMO, HKS, Eibach e Alpine.

Pistas repetitivas

Infelizmente, NFSU herdou de seus antecessores a técnica de reutilizar trechos de pista para formar outras novas (preguiça é um caso sério!). Se você ficou animado ao ler no último parágrafo, que o modo carreira possui 111 corridas, não se empolgue tanto, porque isso não é sinônimo de 111 pistas distintas. Na verdade, o game possui 20 grandes pistas. Para formar os mais de 100 trajetos disponíveis, o jogo combina vários pedaços dessas 20 pistas formando outras novas. A sensação é praticamente a de um autorama (Nossa que coisa velha!).

Essa reciclagem de pistas, aliada ao fato de todas as disputas serem noturnas, torna o jogo, às vezes, um pouco cansativo. Afinal, os cenários não se diferem muito entre si, tornando a tarefa de vencer as 111 missões em um grande desafio de persistência. Acho que o que mais te motiva, nesse sentido, é em saber até onde você vai poder tunar o seu possante. Apesar dessa parte mais chatinha, os gráficos do game são um show à parte. Com a licença dos acessórios e dos carros em mãos, os modelos replicados no game são idênticos aos seus equivalentes reais. Além disso, o jogo abusa dos recursos 3D.

De qualquer forma, Need For Speed Undeground apresenta uma série de outros recursos que compensam o tédio da repetição das pistas. Os maiores destaques são os diversos modos de jogo. Além do já citado modo carreira, há ainda o Drag Racing, Street Racing e o Drift Rancing. No primeiro, estilo predominante no filme Velozes e Furiosos, o jogador pratica a tradicional arrancada, onde parte em linha reta contra três adversários com a missão de chegar em primeiro lugar mantendo a estabilidade do veículo, mesmo com o nitro acionado. Já no segundo, a corrida é pelas ruas da cidade. Obviamente ganha quem chegar primeiro, por isso é bom conhecer os vários atalhos das pistas para melhorar a posição final no ranking da disputa. No modo Drift Racing o negócio é deslizar (Get low…). Você vai ganhando pontos, não por vencer a corrida, mas pelo maior tempo em que você conseguir manter seu carro derrapando sem frear ou sem bater em nada.

Multiplayer

Além das opções de jogo tradicionais, o modo mais divertido ainda é o online, onde é possível jogar em rede com até quatro adversários. Contudo, a maior inovação (e por que não um marco histórico para a época de lançamento?) é a possibilidade dos donos de PC jogarem contra usuários de Playstation 2. Este foi o primeiro jogo que permitiu esse tipo de comunicação entre computador e console. As versões de Need For Speed, para ambas as plataformas, se comunicam para partidas on-line por meio do site da Electronic Arts, o que aumenta bastante o número de oponentes disponíveis para partidas em rede.

Contudo, essa opção acabou com a possibilidade de troca de itens de tunning que um jogo desses poderia fazer surgir entre os jogadores do título. Para evitar incompatibilidade entre as plataformas, a EA Games optou por não permitir que houvesse troca de itens entre os usuários, como acontece no jogo The Sims, por exemplo (Quem liga para The Sims?! *Cadeirada na cabeça de algum fã do jogo*).

Apesar de alguns pontos do game proporcionarem um certo desânimo, outras características de NFSU animam qualquer admirador de games de corrida a cair na estrada (do game, é claro. rss..). Além disso, uma trilha sonora repleta de astros, que vai do rap de Nate Dogg ao eletrônico do grupo Crystal Method passando pelo dub do Asian Dub Foundation é inspiração suficiente para fazer qualquer um pisar fundo no teclado, apesar de que a performance num gamepad com sitcks analógicos ou num volante são bem melhores e muito mais estilosas! Hehehe…

Ficha Técnica – Need for Speed Underground

Desenvolvedora: EA Canada
Distribuidora: EA Games
Plataforma: PC, PlayStation 2, Nintendo GameCube, Xbox, Game Boy Advance
Data de lançamento: 2003
Gênero: Jogo de corrida
Modos de jogo: single player, multiplayer
Número de jogadores: 1-4
Classificação ESRB: E, PEGI: 3+, DJCTQ: Livre
Media: CD, DVD, GameCube Optical Disc, Cartucho

Requisitos Mínimos (PC):

Processador: 800 MHz de Clock ou equivalente
Memória: 128 MB (256 MB para computadores com Windows XP)
Sistema Operacional: Windows 98/ME/2000/XP
Espaço em Disco: 1024 MB (1GB)
Placa de Vídeo: GeForce com 32MB de memória e DirectX 8.0, ou equivalente

Carros disponíveis:

Acura Integra Type R
Acura RSX
Dodge Neon
Ford Focus ZX3
Honda Civic Si Coupe
Honda S2000
Hyundai Tiburon GT
Mazda Miata MX5
Mazda RX-7
Mitsubishi Eclipse GSX
Mitsubishi Lancer ES
Nissan 240SX
Nissan 350Z
Nissan Sentra SE-R Spec-V
Nissan Skyline R34 GTR
Peugeot 206 S16
Subaru Impreza
Toyota Celica GT-S
Toyota Supra
Volkswagen Golf GTi

Trilha sonora:

Overseer – Doomsday (3:13)
The Crystal Method – Born Too Slow (2:45)
Rancid – Out of Control (1:39)
Rob Zombie – Two-Lane Blacktop (2:54)
BT – Kimosabe (4:55)
Static-X – The Only (2:51)
Element Eighty – Broken Promises (3:16)
Asian Dub Foundation – Fortress Europe (3:51)
Hotwire – Invisible (2:52)
Story of the Year – And the Hero Will Drown (3:12)
Andy Hunter – The Wonders of You (7:09)
Junkie XL – Action Radius (3:54)
Fuel – Quarter (3:39)
Jerk – Sucked In (2:52)
Fluke – Snapshot (3:59)
Lostprophets – Ride (3:40)
Overseer – Supermoves (4:46)
FC Kahuna – Glitterball (5:43)
Blindside – Swallow (2:24)
Lil Jon & the Eastside Boyz – Get Low (5:34)
Mystikal – Smashing the Gas (Get Faster) (3:09)
Dilated Peoples – Who’s Who (3:55)
Nate Dogg – Keep It Coming (4:18)
X-ecutioners – Body Rock (3:36)
Petey Pablo – Need For Speed (3:32)
T.I. – 24’s (4:06)

Vivi Werneck
Share on Tumblr
Feed do Post
47 Comentários em "Need for Speed Underground – Saiam do caminho!"
  1. 28/12/2008

    Post #200!!!!!!
    xD~

  2. Vivi Werneck
    28/12/2008

    @Clá

    ih é! aêêê…!!! uahuahauhauaha… quero o Dante de presente! hehehe… ;^P

  3. 28/12/2008

    Post #200 ia ser da Vivi, claro.
    Uns 150 foram dela 8D
    *apanha*

    “Infelizmente, NFSU herdou de seus antecessores a técnica de reutilizar trechos de pista para formar outras novas (preguiça é um caso sério!). Se você ficou animado ao ler no último parágrafo, que o modo carreira possui 111 corridas, não se empolgue tanto, porque isso não é sinônimo de 111 pistas distintas. Na verdade, o game possui 20 grandes pistas. Para formar os mais de 100 trajetos disponíveis, o jogo combina vários pedaços dessas 20 pistas formando outras novas. A sensação é praticamente a de um autorama (Nossa que coisa velha!).”

    E foi ISTO que me fez não completar esse jogo, eu cheguei nos 70% e mandei tomar naquele canto, coisa chata você ter que passar pelos mesmos lugares 5345623490562340956 vezes!
    Aliás, isto foi um dos motivos que fez essa franquia praticamente afundar, sem falar nos carros que, por mais forte que você batesse, estavam lá, brilhando bonitinhos.

    Eu gostava somente das corridas do tipo Drag (é assim que se escreve?) em que você tinha que trocar a marcha na hora certa, tudo numa reta só. AQUILO SIM, era o bom deste jogo.

    O chato é que a partir do segundo a coisa começou a afundar, e hoje ela está morta e enterrada.

    Por isso Vivi, aqui vai MAIS UMA RECOMENDAÇÃO DO THYAGO (THARAAAAAAMMMM)

    Faça um review de GRID, eu acho que tem ele pro PC. ACHO 8D.

  4. 28/12/2008

    @Vivi: serve uma cópia barata?
    O Nero está disponível :P
    auhahuauhahuahua

  5. Didier
    28/12/2008

    Isso mesmo desde que lançaram carbono o game ficou chato.O thyago ta certo nos games de corrida Grid ganha de goleada a unica coisa chata e ter que ficar administrando o dinheiro.
    Ei ja que estamos perto de 2009 eu nao poderia de deixar de lembrar Killzone 2 que vai ser lançado dia 27 ou 29 de fevereiro

  6. Vivi Werneck
    28/12/2008

    @Didier

    Será q nem num post d corrida vc consegue não falar d jogo d guerra??? Jesus amado! rs

    @Clá

    Fica VC com o genérico. eu quero o DANTE!!! hauhauha…

    @Thyago

    Farei o review com todo prazer! É só mandar o jogo p mim! hehehe… Tá achando que eu tô plantando dinheiro??? hahahaha…

  7. Vivi Werneck
    28/12/2008

    Estou apostando no Need for Speed Undercover agora. Tô com ele comigo, mas ainda não joguei… Vamos ver se é mesmo bom como dizem… Pelo menos as perseguições policiais voltaram!

  8. Didier
    28/12/2008

    Mal mas eu to super ansioso por Killzone 2!!!!!!!!!!!!

  9. PH!
    28/12/2008

    Eu gostei muito dessa série underground, apesar de não considerá-la a melhor série de corrida (longe disso). Zerei uma vez cada um e nunka mais joguei (NFSU, NFSU2, NFSMW e NFSC), se não me engano tem mais dois depois desses (NFS-sei lá o q e NFS Undercover, eu acho)

    É uma pena a repetição dos trechos da corrida… tinha de tudo para ser um jogo viciante!

  10. Vivi Werneck
    28/12/2008

    @PH!

    O “NFS-sei lá o q” deve ser o Pro-Street não é? rss

  11. Didier
    28/12/2008

    Po meu eu adoro games corrida(mentira) ja joguei muito scooby-doo quando eu era piralho ja zerei todos os games de scooby doo para gamecube.
    Uma coisinha coloca o video no youtube.
    Mal mas a maioria de games sem ser de guerra que eu ja joguei foi de gamecube.O resto foi para o Wii e ja joguei lego indiana jones.

  12. Didier
    28/12/2008

    Se quiser que eu fale algo sem ser guerra e so começar a falar de 15 minutos.

  13. Vivi Werneck
    28/12/2008

    @Rebeca

    ahahahha… eu acho q, além de pelado, ele disse que ia pendurar alguma coisa no “dito cujo” tb! ahahahaha….

    @Didier

    Vou fazer um post sobre o magnífico jogo “O ateliê da Barbie”. Aí eu quero ver a sua criatividade para contextualizar algum coisa disso com game de guerra! ahahahahahaha…

    *bjs*

  14. Didier
    28/12/2008

    Nao precisa é so falar sobre 15 minutos ai eu deixo de falar de guerra e começo a mostrar meu lado humorista.

  15. 28/12/2008

    Me pergunto se o Didier iria pedir para a mulher dele deixar um bigodinho de Hitler, se ele gosta tanto de guerra…
    *apanha*

  16. Didier
    28/12/2008

    Meu isso serie meio que imposilvel ja que eu tenho 14.

  17. 28/12/2008

    Se alguém se interessar, a EA relançou o jogo (para PC) numa coleção “Super Price”, custando 15 reais. Embalagem feia e totalmente crua, mas pelo menos o jogo é original. :P
    Na net, achei essa versão aqui: http://www.nagem.com.br/produtos/detalheProduto.php?idProduto=133019 , e o bom e velho google me disse que ela é confiável.
    Quem for de BH, a Leitura (pelo menos a do shopping savassi) também está vendendo (aliás, foi lá que comprei o meu ^^).

    Fora isso, ótima análise.

  18. Master Kim
    28/12/2008

    NfS bons eram os antigos. Como não sou um fã de jogos de corrida, sempre gostei dos que tinham a jogabilidade mais simples, arcade. Adorava o nfs 3, daytona usa e passava longe de gran turismo. Pena que com o tempo os jogadores pediram nfs com jogabilidade mais complexa (nao muito) e inventaram um monte de coisas ao longo dos anos, como o tal de drift que nunca aprendi direito. Estão falando que o Undercover será o último nfs e nao terá outro tão cedo, por mim ta indo tarde!!

    O melhor da série é o Need for Speed Hotpursuit 2.

  19. 28/12/2008

    Eu me lembro q o pior, de longe, foi o 2.
    Joguinho chato e mal feito.

  20. Vivi Werneck
    28/12/2008

    Um jogo de corrida que eu amei jogar foi Star Wars Racer, para Nintendo 64! ahahaha…. Era todo quadradão mas tinha umas pistas sinistras de completar (sem explodir!!! rss). Ah… mas eu gostava! :P

  21. Master Kim
    28/12/2008

    Obs: odeio as músicas do nfs underground!

  22. Vivi Werneck
    28/12/2008

    @Master Kim

    Ah… que isso… a Britney Spears é muuuito pior! hehehe…

  23. JLn ~
    28/12/2008

    Olá pessoal do blog!
    Eu sou um leitor e participante acíduo da C&JB e gostaria de parabenizar às meninas pelo blog, que realmente está muito bom!
    Estive lendo alguns posts que me prenderam muito a atenção, ainda mais pela forma descontraída de digitar… (:

    Vou passar a comentar aqui no Girls of War sempre que eu puder.
    E mais uma vez parabéns!

  24. 28/12/2008

    Essa é uma série que eu quase não joguei (só um pouquinho do Most Wanted). E não me agradou muito.

    Aliás, quase nenhum jogo de corrida me agradou, a não ser os antigos F-1 (porquê não se faz mais jogos dele), além das séries Top Gear e Mario Kart. XD

  25. Master Kim
    28/12/2008

    É Vivi, realmente se fosse Britney Spears não teria nem como jogar,mas faltou um pouco de um AC DC com o famoso: Tchá! Tcharrará! Tcharará Tchururururururu!!!!!!
    hehehehehe

  26. 28/12/2008

    como que é vivi

    EUUU ganhando a vida num racha??

    eihhioehioehioeohie

    só vc mesmo!!!

    =***

  27. Nicola
    28/12/2008

    Pô, desse NFS eu gostei, ao contrário d vcs, acho q a idéia d reutilizar trechos d vários traçados ajudou a reforçar a impressão d estar correndo dentro d uma cidade, estranho seria se houvessem 111 pistas totalmente diferentes dentro d uma mesma cidade, teria q se passar em Hokkaido e olhe lá ainda.

    Mas não gostei do 2 nem do pro street, adorei o Most Wanted, d longe o melhor da série, já o Carbon achei q faltou inovar um pouco, mas a idéia d ter aliados ajudou a equilibrar a jogatina contra as estratégias da máquina.

    GRID é realmente absurdamente legal, mas é bem mais puxado pros simuladores, oq pode ser frustrante as vezes, como fiel jogador d FIFA Soccer eu gosto d ter q administrar a equipe inteira no GRID, mas falando em jogo d corrida meus favoritos são Mario Kart q me faz dar muita risada e Burnout, principalmente do 3 pra frente, com excessão do Dominator, a anarquia desses 2 jogos é abusadamente divertida, pra finalizar, não seria eu se não soltasse o meu bordão, odeio jogatina online, não vejo graça nenhuma em ganhar d um adversário sem poder tirar com a cara dele e ver a dita cuja, tb odeio jogos d guerra, tudo fps sem imaginação.

  28. Didier
    28/12/2008

    Legal Ac/Dc seria o bicho correr ouvindo Highway to hell(Dont stop me!) ou Back in Black.

  29. Vivi Werneck
    28/12/2008

    @JLn ~

    Seja muito bem vindo!!! :)

  30. PH!
    29/12/2008

    @Rebeca e Vivi
    A promessa era + ou – “correr pelado pela esplanada, cantando axé e com um nunchuk amarrado naquilo”. Felizmente eu já eskeci pq prometi isso, mas assim como NFS não vai acabar, Didier não irá eskecer de comemtar sobre guerras. Mas ele é um maluco que me diverte, assim como o Thyago com seus clássicos *apanha de machado*

    Aliás, Mario Kart é muito bom…

  31. Didier
    29/12/2008

    Eu posso esquecer é so vcs começarem a falar de 15 minutos ou sobre anime.

  32. Renato Metal
    29/12/2008

    Onde fala que ele foi o primeiro jogo que dava pra jogar entre PC e console, é o primeiro da história ou o primeiro Need?

    Quake III no Dreamcast já fazia isso.

    E o melhor modo de jogo é o Drag, nem acreditei quando tiraram esse modo do Carbono.

  33. 29/12/2008

    @Renato Metal

    Dos Needs… Desculpe, não deixei claro isso… Foi mal!

    @Didier

    Malinha do meu coração… rsrs… Esse é um blog de GAMES!!! Caso eu encontre uma forma de relacionar o “15 minutos” ou algum anime com algum game, CERTAMENTE escreverei (ou alguma das meninas escreverá) sobre isso. Se bem que é mais fácil um anime ser ligado a algum game, ou vice-versa, do que o programa da MTV, mas enfim… Pode deixar que me esforçarei para satisfazer vossa vontade, óóó poderoso senhor da guerra! hahahaha… (Brincadeirinha p descontrair…)

    Agora vá mimi pq já tá tarde! rss…

    bjinhus…

  34. Didier
    29/12/2008

    Eu so to disendo que sao as unicas coisas alem de guerras que eu gsto mesmo de coraçao nao disse que vcs tem que escrever sobre isso so que sao unas das poucas coisas que eu gosto alem de guerras.

  35. Didier
    29/12/2008

    Mal pelos erros de port nesse ultimo comentario mas eu to morrerndo de sono eu to ate agora tentando pegar todos os trofeus de CoD5

  36. Didier
    29/12/2008

    Meu bom tempos eu jogava Mario Kart para 64 isso si é game de corrida qual outro vc pode usar cascas de banana e cascos de tartaruga isso sim era game de corrida.

  37. 29/12/2008

    Sou muito mais a série “Midnight Club” :D

    tenho MC2 aqui no PC e de vez em quando jogo ele, é surpreendente a liberdade e imersão de escolher o próprio caminho numa cidade aberta durante a corrida…

    vi muitos videos e screens de Midnight Club Los Angeles e parece espetacular tambem, tem tunning de carroceria e de estofados/console dentro do carro, carros conversiveis com capota que fecha na chuva, motos, …

  38. 30/12/2008

    O Underground eu não gostava.. nem dele nem da sequência. Achava meio lento e tinha uma certa obrigação em deixar os carros exageradamente ridículos.. O meu NFS “mais querido” é o Most Wanted.

    O Undercover ficou fraquinho, ainda mais qdo você comparar ele com outros jogos de corrida recentes (da-lhe GRiD! e Burnout Paradise)… tomara que agora que a EA passou a série para a Criterion, as coisas melhorem de novo.

    @Adney: teve alguns de F1 no PS2 e um no PS3 (qdo a Sony tinha os direitos da FIA) e a Codemasters (DiRT e GRiD) está com os direitos agora, então em breve teremos um novo jogão de Fórmula 1.

  39. Ruston
    30/12/2008

    Need for speed underground tem esse infeliz problema de pistas repetitivas…

    …mas ainda sim, não deixa de ser um bom jogo. Era legal ver carros que, de tão tunados, pareciam mais com discos voadores do que com carros…

    …depois do Most Wanted, a casa caiu pra NFS. Joguei Recentemente o Undercover pra playstaion 2 e, honestamente:

    AAAAAAAARRRRRRRRGGGGGGGHHHHHHHHHHH…que lixo !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  40. 31/12/2008

    @ Pablo: Bom saber disso!! Será que teremos algum novo F-1 para PC (provávelmente não, mas não custa nada perguntar)?

  41. 03/01/2009

    minha mae querida to no fim di jogo e nao da pra passar essa corrida de 7 volta

  42. marcos
    28/02/2009

    ae, zerei os need quase tudo.. mas francamente Undercover… maior lixão

  43. mateus
    14/07/2009

    cara esse carra é mintiroso eu tenho o need e tem 520 caros disponiveis na garagem

  44. 25/07/2009

    alefe lindo gato

  45. luan
    16/06/2010

    esse jogo é show de bolaaaa!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  46. Patrick
    12/10/2010

    Melhor trilha sonora de todos os NFSU’s!

  47. 18/07/2011

    Esse som é d arrebentar quarteirãoO!!!

Crie uma conta no gravatar.com para colocar sua foto nos comentários.

Sempre que comentar em algum blog com o email cadastrado, aparecerá sua imagem.